Cassilândia, Quinta-feira, 25 de Maio de 2017

Últimas Notícias

01/07/2006 07:39

Escolas podem ser obrigadas a ter linguagem de sinais

Agência Câmara

O Projeto de Lei 6706/06, do Senado, obriga as escolas públicas e privadas a oferecer a seus alunos surdos o ensino da Língua Brasileira de Sinais (Libras). A linguagem deverá ser oferecida, em todos os níveis e modalidades da educação básica, como conteúdo curricular e como recurso de acesso a outros conteúdos. A senadora Ideli Salvatti (PT-SC), que apresentou a proposta no Senado, afirma que essa alteração na Lei de Diretrizes e Bases (9394/96) é necessária para corrigir uma distorção da educação dada a esse segmento.
De acordo com a Declaração dos Direitos Humanos, obrigar um grupo a utilizar uma língua diferente da sua contribui para que esse grupo seja cada vez mais segregado da vida nacional. "A educação dos surdos sempre envolveu o reconhecimento ou não da língua de sinais", afirmou Ideli Salvatti. Ela explica que hoje a língua de sinais é utilizada como meio para ensinar a língua portuguesa, apesar de a Libras já ter sido reconhecida, pela Lei 10.436/02, como a língua nativa das pessoas surdas.
De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 2000, existiam 166.400 surdos no Brasil, sendo 80 mil mulheres e 86.400 homens.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 25 de Maio de 2017
Quarta, 24 de Maio de 2017
14:40
Cassilândia
13:00
Dicas de segurança
10:00
Receita do Dia
Terça, 23 de Maio de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)