Cassilândia, Terça-feira, 25 de Abril de 2017

Últimas Notícias

29/05/2004 16:48

Escocês desaparece e família paga recompensa

Douglas Correa/ABr

O Disque-Denúncia, através do telefone (21) 2253-1177, está oferecendo uma recompensa de R$ 5 mil por informações que levem ao paradeiro do escocês Marc Douglas Swanson, de 32 anos. A recompensa será paga pela família que vive na Escócia.

No dia 19 de novembro de 2003, Marc saiu de Macaé, no norte do Estado do Rio, para o município de São João de Meriti, na Baixada Fluminense, onde foi visto pela última vez. Ele veio com a finalidade de receber de um amigo cerca de R$ 6 mil pela venda de um carro e um empréstimo.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios da Baixada. O amigo com quem ele teria se encontrado no dia do desaparecimento já foi ouvido pela polícia e contou que esteve com Marc no shopping Grande Rio, em São João de Meriti. Na ocasião, entregou o dinheiro que estava devendo e deixou Marc com outro amigo, com quem a vítima iria jogar basquete no Sesc de Nova Iguaçu. Desde esta data, nunca mais o viu.

A polícia aguarda a liberação da Justiça para tentar rastrear as últimas ligações feitas do celular de Marc para saber onde ele estava quando efetuou a ligação para sua namorada no dia do desaparecimento. O consulado britânico no Rio também acompanha as investigações.
Marc Douglas chegou ao Brasil em 1999, quando abriu uma empresa de representação no ramo de petróleo, em Macaé. A empresa não teria dado certo e ele tentava buscar na Escócia representação de outra empresa para trazer para o Brasil, pois sua intenção seria permanecer no País.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 25 de Abril de 2017
Segunda, 24 de Abril de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)