Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

06/11/2014 14:02

Erro em farmácia faz mulher tomar remédio para câncer por três meses

Doméstica faz tratamento para colesterol e percebeu o engano após 3 meses. Silvana Caetano de Moraes, de 49 anos, afirma que o uso afetou sua saúde.

G1

Uma doméstica de 49 anos alega que recebeu da Farmácia do Povo de Mococa (SP) um remédio utilizado no tratamento de câncer de mama ao invés do necessário, para controlar seu colesterol. Silvana Caetano de Moraes só percebeu o erro depois de três meses, quando foi buscar novamente o medicamento e a atendente informou que os comprimidos dela ainda não haviam sido retirados. A mulher afirma que o uso dos medicamentos errados teve efeito em sua saúde. O G1 tenta há uma semana ouvir a Prefeitura, mas não houve retorno da administração municipal para comentar o caso.

Segundo Silvana, há sete meses a médica mudou o remédio que ela toma porque o nível de colesterol estava muito alto. Por ser caro, o novo medicamento é oferecido pela Farmácia do Povo. Ela fez o pedido em junho e no dia 2 de julho o irmão dela foi buscar os remédios.

“Foi prescrito que eu tomasse dois comprimidos à noite, mas todos os dias, após tomá-los, comecei a passar mal, com muita dor no estômago e notei que meu cabelo estava caindo. Tenho câimbras e, às vezes, minha vista escurece”, relatou Silvana.

Segundo ela, exames feitos no inicio do mês mostraram que a diabetes e o colesterol dela estavam altos. “Minha médica perguntou se eu estava tomando os remédios certos e disse que sim. Ainda não sabia que estava tomando o errado”, falou.

Erro
O erro foi percebido no dia 9 de outubro, quando a filha de Silvana foi buscar o restante do remédio. “A atendente da farmácia informou que até então ninguém havia buscado meus medicamentos. Ao chegar em casa, minha filha questionou sobre o fato e estranhei, pois eu já estava tomando ele há 3 meses”, contou.

Com dúvida, a doméstica procurou a farmácia e lá descobriu que o remédio que ela deveria tomar se chama Lipitor (Atorvastatina Cálcica). Contudo, Silvana estava tomando Taxofen (Tamoxifeno). O farmacêutico que cometeu o erro se desculpou e disse que não teria efeito colateral, lembrou ela. A doméstica afirma, no entanto, que seu estado de saúde só piora.

Silvana relata que desde então espera por uma consulta com sua médica. “Liguei lá e expliquei meu caso. Disseram para esperar porque eles vão me ligar, mas já faz quinze dias. Tem dia que não consigo ir trabalhar de tão mal que passo”, lamentou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)