Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

28/06/2004 14:59

Equiparação salarial de mulher com o homem ainda demora

Alana Gandra / ABr

A população brasileira está passando por um processo de transformação importante mas ainda levará muitos anos para que o rendimento das mulheres no mercado de trabalho se equipare ao dos homens. A constatação foi feita pelo presidente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Eduardo Nunes, no seminário "Trabalho, Desenvolvimento Social e Crescimento Econômico", comemorativo dos 184 anos da Associação Comercial do Rio de Janeiro.

A longevidade da população, com o aumento da expectativa de vida em 70 anos, contra 48 anos em meados do século passado, também tem impacto no mercado de trabalho e na Previdência Social, disse Nunes. Segundo ele, 41 milhões de famílias no país, gastam mais do que ganham. Esse número representa 85% dos 48 milhões de famílias brasileiras.

Nunes lembrou que a lenta absorção da mulher pelo mercado de trabalho é cultural. Segundo ele, mesmo para exercer funções iguais ao do homem e tendo o mesmo nível de instrução, a mulher ainda tem rendimento menor. Ele reconheceu que o processo de reversão desse quadro está em curso, mas ainda levará mais de uma década para ser concluído.

Dados do IBGE revelam que a predominância da mulher no mercado de trabalho é na área de serviços, enquanto o homem ocupa mais postos nos setores agropecuário e industrial. No comércio, existe relativo equilíbrio.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)