Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

28/09/2008 11:51

Equatorianos decidem hoje aprovação da nova Constituição

Agência Brasil

Brasília - Cerca de 10 milhões de equatorianos vão às urnas hoje (28) para decidir em referendo se aprovam ou não a nova Constituição, elaborada pela Assembléia Constituinte. Pesquisas de opinião mostram que o novo texto poderá obter mais de 50% dos votos, requisito necessário para a aprovação, de acordo com informações da BBC Brasil.

O novo texto constitucional, com 444 artigos, amplia os poderes do presidente do Equador, Rafael Correa, e traz como uma das alterações a possibilidade de que ele concorra a dois novos mandatos consecutivos. Também permite que o líder equatoriano dissolva o Congresso nos primeiros três anos de seu mandato.

Está previsto ainda o fim da autonomia do Banco Central, além de educação e saúde gratuitas. Uma alteração considerada polêmica é a que prevê a união de casais do mesmo sexo e a que outorga à família o direito de decidir quantos filhos ter.

Se aprovada a Constituição, os equatorianos começarão um regime de transição no qual uma comissão regulará as atividades do Estado até que sejam feitas eleições gerais, inclusive para a presidência, no início de 2009.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)