Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

10/02/2006 18:01

Entrega do Imposto de Renda começa dia 1º de março

Edla Lula/ABr

Começa, no dia 1º de março, às 14 horas, o prazo para entrega da declaração do Imposto de Renda deste ano, relativa aos rendimentos obtidos em 2005. As regras foram divulgadas hoje (10) pela Receita Federal. A novidade é a criação de um campo que deve ser preenchido com o número do recibo da declaração do ano passado. O preenchimento desse campo não é obrigatório, mas a informação impedirá o envio de duas declarações de um mesmo contribuinte.

Segundo o supervisor nacional do Imposto de Renda, Joaquim Adir, havia casos, raros, de pessoas que se queixavam de, ao fazer a declaração, serem informadas de que o documento já havia sido enviado. "Criamos uma medida que dará mais confiança ao contribuinte". Adir explicou que, quando ocorrerem casos de declarações duplicadas, a Receita dará prioridade àquela que contiver o número do recibo da declaração anterior. Com o mesmo objetivo, há também a possibilidade, adotada já no ano passado, de o contribuinte optar por enviar um certificado digital.

Outra novidade este ano é que não será possível enviar a declaração por telefone. Segundo Adir, os custos não compensavam o número limitado de pessoas que optavam pelo telefone. No ano passado, do total de 20,575 milhões de declarações, 98% foram feitas pela internet. "Menos de 30 mil pessoas declararam pelo telefone", disse ele.

O documento poderá ser enviado pelo site www.receita.fazenda.gov.br , ou por meio de disquete nas agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, ou ainda em formulário, nas agências dos Correios, ao custo de R$ 3,20. O telefone 0300-78-0300 continuará valendo apenas para esclarecimento de dúvidas.

Deve enviar a declaração o contribuinte que, no ano passado, recebeu acima de R$ 13.698,00; obteve rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte – como indenizações trabalhistas, recursos provenientes do FGTS e diárias de viagens, no caso de servidores públicos – que somem mais de R$ 40 mil; quem teve patrimônio com valor superior a R$ 80 mil; realizou operações em bolsa de valores, de mercadorias e futuros; passou à condição de residente no Brasil; participou de quadro societário de empresa, mesmo que já esteja inativa, e vendeu bens sujeitos a incidência de impostos, mesmo que tenha optado pela isenção pela aplicação do produto da venda na aquisição de imóveis residenciais.

O contribuinte pode optar entre a declaração simplificada, que permite desconto total de 20% do valor dos rendimentos, mas não permite deduções, e a declaração completa, em que é possível fazer as deduções. O titular poderá deduzir R$ 1.404 por pessoa considerada dependente. Também poderão ser deduzidos até 12% em despesas com contribuição previdenciária oficial ou privada. Outra possibilidade de dedução é com instrução, limitada a R$ 2.198 por aluno, e sem incluir curso de língua, nem pré-vestibular. Não há limite para dedução de despesas com saúde. Compra de medicamentos não está na lista de deduções.

As empresas devem enviar à Receita Federal, até o dia 24 de fevereiro, a Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte (DIRF) do trabalhador e também o comprovante de rendimentos, aos quais o empregado também deverá ter acesso.

O prazo para entrega da declaração do Imposto de Renda termina no dia 28 de abril.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)