Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

13/12/2004 15:30

Entidades querem projeto específico para taxar inativos

Maristela Brunetto / Campo Grande News

Entidades representantes de algumas categorias de servidores públicos estaduais que serão atingidas pela elevação da taxação dos inativos e ativos à previdência querem um projeto específico sobre o tema. Hoje a matéria tramita na Assembléia Legislativa como um dos artigos do projeto de lei que prevê o reajuste dos servidores.
A Associação Sul-Mato-Grossense do Ministério Público, a Associação dos Magistrados de Mato Grosso do Sul, a Associação dos Delegados de Polícia Civil e o Sindicato dos Defensores Públicos constam do grupo que já se reuniu com deputados e representantes do governo para reivindicar a elaboração de um projeto específico. Hoje o grupo conversou sobre o assunto com o líder do governo, deputado Ary Rigo (PDT).
O presidente da Associação do Ministério Público, Gerardo Eriberto de Morais, disse que o grupo não é contra a elevação da taxação e cobrança dos inativos, já prevista em lei federal. O que defendem, explicou é a apresentação de um projeto específico a fim de que possa ser discutido. Ele cita que a contribuição patronal também elevará e o impacto na receita dos poderes deveria ser analisada.
O deputado estadual Waldir Neves (PMDB) apresentou uma emenda supressiva ao artigo 10, que prevê a taxação.
A taxação dos inativos deve atingir cerca de 1.640 pessoas em Mato Grosso do Sul, com previsão de arrecadação mensal é de aproximadamente R$ 800 mil. A elevação diz respeito a quem ganha acima de R$ 2.506,00. Eles pagarão 11% sobre o que ganham acima da quantia.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)