Cassilândia, Segunda-feira, 27 de Março de 2017

Últimas Notícias

13/12/2004 15:30

Entidades querem projeto específico para taxar inativos

Maristela Brunetto / Campo Grande News

Entidades representantes de algumas categorias de servidores públicos estaduais que serão atingidas pela elevação da taxação dos inativos e ativos à previdência querem um projeto específico sobre o tema. Hoje a matéria tramita na Assembléia Legislativa como um dos artigos do projeto de lei que prevê o reajuste dos servidores.
A Associação Sul-Mato-Grossense do Ministério Público, a Associação dos Magistrados de Mato Grosso do Sul, a Associação dos Delegados de Polícia Civil e o Sindicato dos Defensores Públicos constam do grupo que já se reuniu com deputados e representantes do governo para reivindicar a elaboração de um projeto específico. Hoje o grupo conversou sobre o assunto com o líder do governo, deputado Ary Rigo (PDT).
O presidente da Associação do Ministério Público, Gerardo Eriberto de Morais, disse que o grupo não é contra a elevação da taxação e cobrança dos inativos, já prevista em lei federal. O que defendem, explicou é a apresentação de um projeto específico a fim de que possa ser discutido. Ele cita que a contribuição patronal também elevará e o impacto na receita dos poderes deveria ser analisada.
O deputado estadual Waldir Neves (PMDB) apresentou uma emenda supressiva ao artigo 10, que prevê a taxação.
A taxação dos inativos deve atingir cerca de 1.640 pessoas em Mato Grosso do Sul, com previsão de arrecadação mensal é de aproximadamente R$ 800 mil. A elevação diz respeito a quem ganha acima de R$ 2.506,00. Eles pagarão 11% sobre o que ganham acima da quantia.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 26 de Março de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 25 de Março de 2017
21:10
Cassilândia
15:01
Curiosidade
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)