Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

05/09/2007 13:48

Entidades e governo orientarão criador quanto ao Sisbov

Marta Ferreira - Campo Grande News

A vinda de uma missão técnica da União Européia a Mato Grosso do Sul ) em outubro foi tema de reunião realizada ontem entre produtores rurais e lideranças do setor na Seprotur (Secretaria de Produção e Turismo). O ponto principal de discussão foi o alerta aos criadores quanto quanto às adequações ao (Sisbov) Serviço Brasileiro de Rastreabilidade da Cadeia Produtiva de Bovinos e Bubalinos (Sisbov), que exige a rastreabilidade dos animais, com vistas à aceitação pelo mercado europeu.
.
Ficou definido que, para auxiliar quanto às adequações ao Sisbov, , a Seprotur, a Famasul e os sindicatos rurais devem realizar visitas educativas às propriedades incluídas no sistema. “Nosso papel será de orientação e apoio”, complementa Ademar.


“Os produtores devem se preparar quanto a essa visita já que é a nossa imagem. Temos que ter cuidado já que estamos na luta pelo status sanitário”, afirmou Ademar da Silva Jr, presidente da Famasul (Federação da Agricultura de MS).

Adesão Dados divulgados em agosto pelo Mapa (Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento) apontam que Mato Grosso do Sul é o Estado brasileiro com o maior número de animais incluídos no Sisbov. De acordo com o Mapa, 8,5 milhões das 25 milhões de cabeças do Estado estão incluídas no banco de dados, o equivalente a 34% do rebanho.

No País, conforme os dados, 6 milhões de animais foram incluídos no Sisbov. A adesão dos pecuaristas de Mato Grosso do Sul é atribuída à expectativa de abertura do mercado externo após os problemas ocorridos com o foco de febre aftosa. A vinda da missão da União Européia é apontada como uma possibilidade para alcançar essa abertura, já que o continente europeu é considerado o mais rígido em termos de exigências para importação de carne bovina.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)