Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

02/04/2008 17:02

Enersul pode ser obrigada a congelar tarifa por três ano

A Enersul pode ser obrigada a congelar a tarifa da conta de luz por três anos, caso a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) acate proposta de parlamentares de Mato Grosso do Sul. A medida visa contrabalançar o cronograma da empresa para devolução de valores cobrados indevidamente de consumidores sul-mato-grossenses. O montante, calculado em R$ 191 milhões, resulta de erro na base de cálculo para reajuste tarifário, ocorrido em 2003.

Na manhã de hoje, durante sessão na Assembléia Legislativa, o deputado Paulo Correia (PR) relatou a proposta feita ontem em reunião na Aneel. No encontro, estiveram, além de Correia, o deputado Jerson Domingos (PMDB), o secretário da Semac (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, das Cidades, do Planejamento, da Ciência e Tecnologia) Carlos Alberto Negreiros Said Menezes e o presidente da Aneel Gerson Kelman.

Pela proposta, o congelamento tarifário ocorreria deste ano a 2.010. Esse período corresponde ao que a Enersul pretende devolver os valores cobrados indevidamente dos consumidores. O montante a ser devolvido é de 15% do total cobrado nas contas de energia. A devolução é necessária para corrigir o erro da Enersul, cometido em 2003, no cálculo do aumento da tarifa. Em valores reais, os 15% correspondem a R$ 191 milhões. A proposta da empresa é de parcelar em três anos esse pagamento: devolveria 5% por ano até 2010.

A contraproposta de congelamento evitaria a possibilidade de devolução zero. Isso porque a Empresa reajusta, anualmente, a tarifa com base no IGPM (Índice Geral de Preços ao Mercado), cuja média de variação é de 5% ao ano. Com o percentual de devolução equivalente ao índice de reajuste, o valor da conta de luz do consumidor não sofreria nenhuma alteração.



Osvaldo Júnior e Valdelice Bonifácio - Midiamax

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)