Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

04/01/2011 06:23

Encontrado barco pesqueiro moçambicano desaparecido há mais de uma semana

Eduardo Castro, EBC

Maputo (Moçambique) – Um barco pesqueiro moçambicano, desaparecido desde 27 de dezembro passado, foi localizado nessa segunda-feira (3) na altura da cidade de Nacala, na costa de Moçambique. A informação foi confirmada pelo vice-ministro da Pesca, Gabriel Muthisse.

Segundo ele, as informações sobre o motivo do desaparecimento ainda são poucas. “As tentativas de contato não têm surtido nenhum efeito”, disse.

Um comunicado da Missão da União Europeia contra a Pirataria no Oceano Índico informa que a embarcação teria sido sequestrada em alto-mar, próximo à costa de Madagascar. A possibilidade não foi afastada pelo vice-ministro. “A nossa precaução em relação à vida dos tripulantes é válida para qualquer dos casos, seja sequestro ou outra situação. Tratando-se de sequestradores, por exemplo, todo o cuidado será pouco, pois são imprevisíveis”, afirmou.

Vinte e quatro tripulantes estão a bordo do pesqueiro Vega 5, sendo 19 moçambicanos. O barco tem 24 metros de comprimento e capacidade para transportar 140 toneladas de carga. Habitualmente fica ancorado no Porto da Beira, na província de Sofala.

Outro pesqueiro, de bandeira malgaxe, foi atacado por piratas nos últimos dias de 2010. Onze tripulantes chegaram domingo (2) ao Porto da Beira - oito homens e três mulheres, sendo um italiano, um das Ilhas Seychelles e os demais de Madagascar.

O barco foi deixado à deriva pelos sequestradores, que chegaram em lanchas e levaram todos os pertences dos marinheiros. Sem combustível, a embarcação chegou à costa depois de içar as velas e ser impulsionado pelo vento.

É a terceira vez em menos de um mês que é registrada tentativa de sequestro na costa moçambicana, que se estende por 3 mil quilômetros. Desde 2007, piratas de origem somali já atacaram mais de 450 navios e fizeram cerca de 2.400 reféns no Oceano Índico, mais ao Norte, na altura do chamado Chifre da África, onde fica a Somália.

Edição: Graça Adjuto


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)