Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

03/01/2008 07:36

Enade: quem não prestou exame pode ficar sem diploma

STJ

O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Raphael de Barros Monteiro Filho, negou a liminar pedida por uma estudante paulista para que cole grau apesar de não ter participado do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade). A matéria será apreciada pelo STJ após receber as informações solicitadas à Justiça paulista e o parecer do Ministério Público Federal.

Ao apreciar a liminar, o presidente do STJ considerou não haver como concedê-la porque a estudante não comprovou ter concluído com aproveitamento o curso, “condição essencial para a verificação de seu direito líquido e certo”. Sem contar que a liminar se confunde com o mérito do mandado de segurança.

M.C.N.P. impetrou mandado de segurança tentando anular o ato do ministro da Educação, Fernando Haddad, que a impede de colar grau, de ter seu diploma registrado e, conseqüentemente, de exercer a profissão. Ela concluiu o curso de Pedagogia na faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Piraju (SP), mas não compareceu à prova realizada em novembro de 2005 em razão de ter sido diagnosticada doença grave (neoplasia de cólon) dias antes da avaliação, sendo submetida a cirurgia na época.

Segundo a estudante, ela teria apresentado justificativa e solicitado a dispensa ao Ministério da Educação, mas não obteve resposta. E, assim, entende que não pode ser penalizada por ter adoecido, nem por ter havido omissão estatal. No mandado de segurança, ela solicita que lhe seja concedida a gratuidade da Justiça. Por meio de liminar, pretendia participar da colação de grau em dezembro e garantir que o ministro da Educação promovesse os procedimentos necessários para que ela tivesse o direito de concluir o curso e receber o certificado.



Coordenadoria de Editoria e Imprensa

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)