Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

22/06/2013 07:54

Em vinte dias, golpista consegue casamento, R$ 5 mil e acaba preso

Nadyenka Castro, Campo Grande News
 Adriano já aplicou pelo menos dois 'golpes do casamento'. (Foto: Divulgação) Adriano já aplicou pelo menos dois 'golpes do casamento'. (Foto: Divulgação)

Estelionatário conhecido pela Polícia, Adriano das Neves da Silva, 31 anos, foi preso na última quarta-feira após aplicar mais um ‘golpe do casamento’.

Em 20 dias de romance, ele conseguiu R$ 5 mil de uma empresária de Mundo Novo, distante 476 quilômetros de Campo Grande, marcar o casamento, fazer ela gastar mais R$ 3,5 mil de lua-de-mel e vender a motocicleta da noiva. Ele foi preso ao tentar uma nova investida de vida fácil.

De acordo com o delegado de Polícia Civil em Mundo Novo, Natanael Matias, Adriano é da região de Glória de Dourados e a alguns anos havia sido preso, em Mundo Novo, após comprar madeiras e não pagar.

O estelionatário foi solto e aplicou golpes na cidade onde nasceu, onde havia mandado de prisão preventiva contra ele, e também no município de Terra Roxa, Paraná. Em terras paranaenses ele também seduziu uma mulher e sumiu com R$ 16 mil dela, uma professora.

Conforme o delegado, Adriano confessa os golpes e fala tranquilamente sobre o assunto. Ele ia a bailes e em conversas com mulheres, escolhia a mais carente e que aparentava ser rica.

Adriano colocava uma chave de veículo pendurada no bolso da calça, dizia que era da camionete que estava na oficina, falava que era empresário e que tinha caminhões. Em poucos dias, já estava ‘amando’ a vítima e a fazia marcar casamento.

No caso de Mundo Novo, a vítima – uma empresária de 31 anos -, moradora antiga no município, foi conquistada por Adriano e caiu no golpe dele. Um dos prejuízos materiais da mulher ficou em aproximadamente R$ 5 mil.

Conforme o delegado Natanael Matias, o apaixonado disse à amada que havia depositado R$ 7 mil na conta dela e que era para ela repassar o dinheiro para ele. Ela viu o comprovante e, quando ele foi preso, a empresária já havia dado ao golpista R$ 5 mil. Na verdade, ele havia colocado o envelope vazio no caixa.

O casal já havia marcado a data do casamento – 13 de julho -, com cerimônias religiosas e festivas. Os 300 convites já estavam confeccionados e a lua-de-mel, para cidades históricas de Minas Gerais, comprada. O embarque seria no dia seguinte à solenidade.

Adriano já havia comprado até plano funerário para ele e para a futura esposa, que começou a desconfiar de tanto amor, quando ele pegou a motocicleta dela dizendo que iria ver uns caminhões e não retornou no horário combinado nem atendeu às ligações dela.

A mulher procurou a Polícia Civil, mostrou a fotografia do amado e os policiais o reconheceram como o estelionatário foragido. Quando o casal se falou por telefone, a vítima marcou um encontro com o golpista, dizendo que o irmão havia dado dinheiro para que eles comprassem um carro novo.

O estelionatário foi ao local combinado e acabou preso. Ele confessou o golpe e disse que havia vendido a moto da amada em Eldorado. O veículo foi recuperado.

 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)