Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

07/02/2016 15:30

Em três meses de piracema, PMA aplica multas no valor de R$ 70 mil

Campo Grande News

Há três meses a pesca está proibida em Mato Grosso do Sul devido ao período de piracema. Neste período a PMA (Polícia Militar Ambiental) apreendeu 452 kg de pescado, autuou 30 pessoas e aplicou multas que chegam a quase R$ 70 mil.

O período termina só no dia 28 de fevereiro e a PMA tem feito fiscalizações constantes nos rios do Estado. Entre os números do início da operação até agora, a quantidade de pescado apreendido caiu, mas o número de pessoas autuadas subiu. Dos 30 autuados, 22 foram presos em flagrante.

As pessoas que conseguiram fugir foram identificadas, segundo a PMA e responderão pelo crime de pesca predatória além de serem multados administrativamente. O valor das multas dobrou em relação ao ano passando, chegando a R$ 69.260 contra R$ 33.940. Isso porque vários infratores que foram autuados durante essa piracema eram reincidentes, o que dobra o valor da multa.

A PMA espera que, com a fiscalização intensiva, haja sempre um grande número de pessoas presas no momento que iniciam a pescaria, ou seja, sem que tenham conseguido capturar grande quantidade de pescado. Esta é estratégia que está sendo usada em cada piracema e tem surtido resultados.

Durante essa piracema, as cheias dos rios facilitaram a subida dos peixes. Os cardumes tiveram poucos problemas para superar os obstáculos naturais, como cachoeiras e corredeiras.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)