Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

27/10/2005 13:16

Em sete anos, salário no comércio fica menor

Cristina Índio do Brasil / ABr

O salário médio do comércio caiu nos três segmentos analisados na Pesquisa Anual do Comércio (PAC) de 2003, divulgado hoje (27) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que apurou os dados entre 1996 e 2003.

A maior queda foi no segmento de veículos, peças e motocicletas que passou de 4,1 salários mínimos, médios, em 1996, para 2,5 em 2003. Em seguida veio o atacado, que saiu de 4,8 salários para 3,5 em 2003. E por último o varejo, onde o trabalhador, em 1996, ganhava o equivalente a 2,3 salários mínimos médios e sete anos depois era de 1,8 salários mínimos.

A pesquisa indica ainda que tanto no varejo quanto no atacado não se alterou a média de ocupados por empresa. No varejo são quatro trabalhadores por empresa e no atacado dez. Já no setor de veículos, peças e motocicletas passou de sete, em 1996, para cinco, em 2003.

Somente na atividade de comércio de veículos automotores o número de empregados caiu de 22 para 8 ocupados por empresa. Segundo o IBGE, a redução é reflexo da estratégia de comercialização das montadoras, que incluiu a venda direta ao consumidor, o que reduziu o número de empregados nas lojas e concessionárias.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)