Cassilândia, Sábado, 24 de Junho de 2017

Últimas Notícias

11/06/2013 17:20

Em seis meses, a justiça cassa o segundo prefeito de Aquidauana

Zemil Rocha, Campo Grande News

O juiz da 10ª Zona Eleitoral, José de Andrade Neto, cassou o mandato do prefeito de Aquidauana, José Henrique Trindade (PDT), ao decidir pela anulação de seu registro de candidatura, assim como de seu vice, Sebastião Souza Alves (PPS). A cassação decorreu da utilização de servidores do quadro da Assembleia Legislativa do Estado em sua campanha eleitoral no ano passado. É o segundo prefeito cassado em Aquidauana em seis meses.

Zé Henrique, como é mais conhecido, é o 13º prefeito cassado pela Justiça Eleitoral desde a eleição de outubro do ano passado. Ele próprio assumiu em decorrência da cassação do registro do candidato vitorioso eleitoralmente, Fauzi Suleiman (PMDB), que era prefeito. Candidato à reeleição, Fauzi Suleiman (PMDB) ganhou mas não levou. As duas acusações contra Fauzi no processo que cassou seu registro de candidatura foram a de utilizar o site institucional da Prefeitura para promoção pessoal e outra por irregularidades no programa de assistência social “Família Feliz”.

Além da cassação, Zé Henrique, o vice Sebastião Alves e o deputado estadual Felipe Orro foram multados, solidariamente, em R$ 53.250,00. Era no gabinete de Felipe Orro que estavam lotados os servidores que teriam atuado na campanha eleitoral de Zé Henrique.

A decisão do juiz José de Andrade Neto, na representação eleitoral nº 626-30.2012.6.12.0010, que tramita em segredo de justiça para não haver quebra de sigilo de telefones, decorreu de ação proposta pelo Ministério Público e de impugnação de mandato eletivo pedida pela coligação oponente.

Como a decisão é de primeira instância, Zé Henrique e dos demais réus podem recorrer ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), no prazo de 15 dias a contar da publicação da sentença, o que deve ocorrer até a próxima sexta-feira (14). Lá Zé Henrique pode obter efeito suspensivo e, assim, permanecer no cargo até o julgamento final do processo.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 24 de Junho de 2017
Sexta, 23 de Junho de 2017
Quinta, 22 de Junho de 2017
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)