Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

27/03/2007 08:21

Em Santa Rita, vereador é cassado por faltar a sessões

Alessandro Perin/Campo Grande News

Os vereadores de Santa Rita do Pardo cassaram, por oito votos a zero, o mandato do vereador Edmílson Bezerra, preso após confessar ter contratado dois pistoleiros para assassinar o então vereador Oziel Dias Leal. Com a morte, Bezerra – que era o primeiro suplente da coligação na qual Leal foi eleito – assumiria o cargo, o que acabou ocorrendo após Leal ser cassado, sob acusação de extorsão contra a prefeita Eledir Barcelos (PT), com outros quatro parlamentares.

A votação ocorreu na noite de ontem. Ele foi cassado por faltar a quatro sessões ordinárias e a três extraordinárias sem apresentar justificativa. A posse do suplente, Vanildo Alves de Freitas (PDT), foi realizada logo após a votação. Com a cassação, a Comissão Parlamentar de Inquérito formada para analisar denúncia de improbidade administrativa por parte de Bezerra – formada pelos vereadores Cleudenide Ferreira de Freitas (presidente), José Ferreira Matos (PL) e José Milton de Souza (PT) – será desativada.

O vereador cassado hoje à noite permanece preso na cadeia pública de Brasilândia, e recentemente foi envolvido em nova denúncia, desta vez acusando-o de participar de roubo de gado em uma fazenda de Ribas do Rio Pardo.

Esta é a sexta cassação efetuada pela atual legislatura da Câmara de Santa Rita do Pardo. Em novembro de 2006, o parlamento também votou pela perda do mandato dos vereadores Zenilda Gregório, Marcelo Gulart, Ana Ruthi Martins Faustino, Antônio Carlos Castelo Branco e Oziel Leal.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)