Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

27/01/2004 09:13

Em Pernambuco 2.800 famílias desabrigadas

Márcia Wonghon/ABr

Os estragos provocados pelas chuvas de verão que caem em Pernambuco desde o início deste mês deixaram até agora 2.800 famílias desabrigadas em sete municípios: Gravatá, Ouricuri, Trindade, Ipubi, Araripina, Bodocó e Petrolina. Doze pessoas morreram por afogamento, mas o número de mortes pode ser maior, pois os dados são parciais.

O balanço foi divulgado pela Comissão de Defesa Civil do Estado (Codecipe), que mantém equipes de plantão permanente, fazendo trabalho assistencial à população. Já foram distribuídos colchões, cobertores e lonas plásticas, e o Exército prepara campanha de arrecadação de donativos.

Em Petrolina, no sertão do São Francisco, quatro bairros foram alagados em função do rompimento de uma barragem, deixando 152 casas danificadas. Diversas estradas estão destruídas e a prefeitura decretou situação de emergência, aguardando a liberação de R$ 4,5 milhões pelo governo federal, para recuperar os estragos.

A situação também é crítica no distrito de Serrolândia, a 30 quilômetros de Ipubi, no sertão do Araripe, onde 400 famílias estão desabrigadas e 75 casas correm risco de desabar a qualquer momento. Durante reunião na sede da Associação Municipalista de Pernambuco, prefeitos das cidades atingidas no Agreste e no sertão decidiram enviar ao Ministério da Integração Nacional, amanhã (28), relatório com um levantamento dos estragos provocados pelas chuvas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)