Cassilândia, Segunda-feira, 21 de Agosto de 2017

Últimas Notícias

02/08/2017 09:00

Em MS, quase 7 milhões de toneladas de milho ainda não foram vendidas

Campo Grande News

O ritmo de comercialização de milho, colhido em Mato Grosso do Sul, segue lento. De acordo com o último relatório da Granos Corretora, foram vendidos 29,96% do grão desta safra, cuja produção está estimada em 9,72 milhões de toneladas. Isso significa que 6,81 milhões de toneladas não foram comercializados.

De acordo com o acompanhamento da Granos, os produtores de Mato Grosso do Sul colheram 43,31% da área total com milho (1,67 milhão de hectares). São aproximadamente 4,21 milhões de toneladas do grão já colhidos. No ano passado, na mesma época, a parcela colhida foi de 48,77% da produção.

Além da colheita estar em ritmo aquém da safra anterior, as vendas também estão mais devagar, devido aos preços menores. Em igual período do ano passado, a comercialização correspondia a 60,55% do volume produzido. Ou seja, a parcela desta safra é menos da metade do percentual do ciclo anterior.

As vendas menores resultam da queda dos preços. Na semana passada, o operador da Granos, Jorge Filho, mencionou venda do ano passado (dia 27 de julho), em que a saca foi comercializada, na região de Dourados, por R$ 40. Atualmente, está entre R$ 16 e R$ 17. A retração é de 60%.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 21 de Agosto de 2017
Domingo, 20 de Agosto de 2017
10:00
Receita do dia
09:50
Três Lagoas
Sábado, 19 de Agosto de 2017
20:38
Para o fim de semana
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)