Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

01/06/2006 15:39

Em MS, policiais da Força Nacional vão atuar em 5 bases

Aline dos Santos / Campo Grande News

Os 200 policiais da Força Nacional de Segurança Pública, que chegaram na madrugada desta quinta-feira a Mato Grosso do Sul, vão atuar em cinco bases do Estado. Conforme o comandante da PM (Polícia Militar), coronel José Ivan de Almeida, as bases serão em Campo Grande, Dourados, Corumbá, Três Lagoas e Ponta Porã. Ele ressalta que as pontos serão flexíveis. “A base de Dourados, por exemplo, em caso de necessidade, pode ser transferida para Naviraí”, explica. O foco do trabalho dos policiais seria o combate ao crime organizado (tráfico de armas e drogas, por exemplo), numa reação das autoridades às ações recentes de facções criminosas como o PCC (Primeiro Comando da Capital). A facção é apontada como responsável pelas rebeliões dos dias 14 e 15 de maio em quatro presídios de Mato Grosso do Sul.

Quanto à quantidade do efetivo que será distribuído entre as localiades, o coronel afirma que é uma informação estratégica, por isso não será divulgada.

Segundo o comandante da PM, a atuação da Força Nacional será em parceria com a polícia local. “Como a Força Nacional poderia atuar sem o apoio da PM e da Polícia Civil”, reitera.

Durante reunião realizada hoje no Comando da PM, também foi decidida a criação de um gabinete para gerir as ações da Força. O conselho será formado por representantes da PM, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, PF (Polícia Federal) e PRF (Polícia Rodoviária Federal).

Participaram da reunião o secretário nacional de Segurança Pública, Luiz Fernando Côrrea, o secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, Raufi Marques, o diretor-geral da DGPC (Diretoria Geral da Polícia Civil), Wagner Silva, o comandante dos bombeiros, coronel Freud Jacques Teixeira, além de oficiais e delegados que estão planejando as operações.


A Força - A Força foi criada em 2004. Para MS, vieram militares de 22 estados. Eles estarão sob o comando do coronel Aurélio Ferreira Rodrigues, do Rio Grande do Sul. O oficial considerou “desgaste desnecessário” o uso da Força Nacional em presídios. “Sem desmerecer os policiais daqui”, emendou. Desde que houve rebeliões e quebradeira nas unidades, policiais têm dado respaldo ao trabalho dos agentes penitenciários nos presídios.
O grupo de elite já chega com algumas informações sobre o crime organizado levantadas e repassadas pela segurança pública do Estado.

A Força traz a MS veículos, armamento e equipamentos. Parte disse pode ficar no Estado. Os policiais integrantes receberão diária de R$ 116. Os policiais devem ficar no Estado por dois meses.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)