Cassilândia, Sexta-feira, 18 de Agosto de 2017

Últimas Notícias

01/06/2006 15:39

Em MS, policiais da Força Nacional vão atuar em 5 bases

Aline dos Santos / Campo Grande News

Os 200 policiais da Força Nacional de Segurança Pública, que chegaram na madrugada desta quinta-feira a Mato Grosso do Sul, vão atuar em cinco bases do Estado. Conforme o comandante da PM (Polícia Militar), coronel José Ivan de Almeida, as bases serão em Campo Grande, Dourados, Corumbá, Três Lagoas e Ponta Porã. Ele ressalta que as pontos serão flexíveis. “A base de Dourados, por exemplo, em caso de necessidade, pode ser transferida para Naviraí”, explica. O foco do trabalho dos policiais seria o combate ao crime organizado (tráfico de armas e drogas, por exemplo), numa reação das autoridades às ações recentes de facções criminosas como o PCC (Primeiro Comando da Capital). A facção é apontada como responsável pelas rebeliões dos dias 14 e 15 de maio em quatro presídios de Mato Grosso do Sul.

Quanto à quantidade do efetivo que será distribuído entre as localiades, o coronel afirma que é uma informação estratégica, por isso não será divulgada.

Segundo o comandante da PM, a atuação da Força Nacional será em parceria com a polícia local. “Como a Força Nacional poderia atuar sem o apoio da PM e da Polícia Civil”, reitera.

Durante reunião realizada hoje no Comando da PM, também foi decidida a criação de um gabinete para gerir as ações da Força. O conselho será formado por representantes da PM, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, PF (Polícia Federal) e PRF (Polícia Rodoviária Federal).

Participaram da reunião o secretário nacional de Segurança Pública, Luiz Fernando Côrrea, o secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, Raufi Marques, o diretor-geral da DGPC (Diretoria Geral da Polícia Civil), Wagner Silva, o comandante dos bombeiros, coronel Freud Jacques Teixeira, além de oficiais e delegados que estão planejando as operações.


A Força - A Força foi criada em 2004. Para MS, vieram militares de 22 estados. Eles estarão sob o comando do coronel Aurélio Ferreira Rodrigues, do Rio Grande do Sul. O oficial considerou “desgaste desnecessário” o uso da Força Nacional em presídios. “Sem desmerecer os policiais daqui”, emendou. Desde que houve rebeliões e quebradeira nas unidades, policiais têm dado respaldo ao trabalho dos agentes penitenciários nos presídios.
O grupo de elite já chega com algumas informações sobre o crime organizado levantadas e repassadas pela segurança pública do Estado.

A Força traz a MS veículos, armamento e equipamentos. Parte disse pode ficar no Estado. Os policiais integrantes receberão diária de R$ 116. Os policiais devem ficar no Estado por dois meses.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 18 de Agosto de 2017
Quinta, 17 de Agosto de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)