Cassilândia, Sábado, 19 de Agosto de 2017

Últimas Notícias

08/08/2017 07:40

Em MS, 445 mil sacaram o FGTS das contas inativas

Campo Grande News

Os valores sacados das contas inativas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) totalizaram R$ 581,5 milhões em Mato Grosso do Sul, conforme balanço apresentado pela Caixa Econômica Federal nesta segunda-feira (dia 07). O montante ficou acima da estimativa inicial para o Estado, de R$ 564 milhões.

Os pagamentos foram feitos de 10 de março a 31 de julho. Trabalhadores com direito ao benefício e que não sacaram o dinheiro só podem, agora, usar o recurso do FGTS em situações específicas previstas na legislação, como para aquisição da casa própria, por exemplo.

Embora o valor pago tenha sido superior ao estimado, é possível que muitos trabalhadores não tenham sacado o dinheiro. Eram esperados 537 mil pessoas, mas compareceram às agências 445.649.

A assessoria de imprensa da Caixa, em Brasília, explicou que essas diferenças ocorrem, porque os números iniciais eram projeções, podendo divergir dos resultados efetivos.

“Pode ocorrer de pessoas sacarem o dinheiro em outros estados. Por exemplo, um trabalhador que mora em São Paulo, mas que trabalhou em empresas de Mato Grosso do Sul, pode ter sacado o dinheiro aí nesse estado”, disse a assessoria.

Devido a essa dinâmica, não é possível ainda saber quantas pessoas deixaram de sacar o recurso por estados. No entanto, na soma do País, foram pagos R$ 44 bilhões para 25,9 milhões de trabalhadores. Os números correspondem, respectivamente, a 88% do total atualizado de R$ 49,8 bilhões e 79% dos 32,7 milhões de pessoas com direito ao recurso.

Os valores que não foram retirados permanecem nas contas do FGTS de seus titulares e poderão ser resgatados nos casos previstos na Lei 8.036/1990, como demissão sem justa causa, aquisição da casa própria, aposentadoria e doenças graves.

Fora do prazo – Titulares das contas inativas que estavam impossibilitados de ir a uma agência no período entre 10 a 31 de julho por estarem presos ou com diagnóstico de doença grave têm o prazo estendido até o dia 31 de dezembro de 2018 para sacar o benefício.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 19 de Agosto de 2017
Sexta, 18 de Agosto de 2017
Quinta, 17 de Agosto de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)