Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

22/08/2016 07:30

Em menos de uma semana, campanha rende 62 denúncias à Justiça Eleitoral

Campo Grande News

Por meio do sistema de Webdenúncia das Eleições 2016, o TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) já recebeu 62 denúncias de supostas irregularidades nas campanhas para as vagas nas 79 prefeituras e câmaras municipais do Estado. As propagandas por meio das redes sociais e por aplicativos de mensagens instantâneas são as que renderam mais acusações até agora, 19 no total.

Em entrevista nesta semana, o juiz da 36ª Zona Eleitoral, David de Oliveira Gomes Filho, que é o primeiro a analisar as acusações, confirmou que a maior parte delas aponta erros na propaganda feita no mundo virtual e até agora, o Facebook é o principal “vilão”. “Determinei que fossem retiradas do ar duas propagandas patrocinadas feitas no Facebook”, revelou David de Oliveira, sobre as acusações que havia julgado na quinta-feira (18).

O artigo 57-C da Lei das Eleições diz que “na internet, é vedada a veiculação de qualquer tipo de propaganda eleitoral paga”.

Recaem sobre os candidatos de Campo Grande, 21 denúncias, conforme o sistema on-line de estatísticas do TRE. Em segundo lugar, está Ladário – a 419 km da Capital – com cinco possíveis irregularidades a serem apuradas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)