Cassilândia, Segunda-feira, 10 de Dezembro de 2018

Últimas Notícias

15/06/2018 10:40

Em meio à crise econômica, presidente do BC argentino renuncia

Agência Brasil

O presidente do Banco Central da Argentina, o economista Federico Sturzenegger, renunciou ontem (14) ao cargo. Logo depois, o governo anunciou a unificação dos ministérios de Finanças e o da Fazenda. A renúncia ocorre em meio a uma crise econômica que levou o país a pedir um empréstimo de US$ 50 bilhões ao Fundo Monetário Internacional (FMI). O ministro das Finanças, Luis Caputo, foi nomeado para chefiar o BCRA.

Em publicação no Twitter, Sturzenegger disse que foi uma honra servir o governo argentino nos últimos dez anos, agradeceu toda sua equipe e citou a crise que o país atravessa para justificar sua renúncia: "Nos últimos meses diversos fatores deterioraram minha credibilidade, como presidente do Banco Central, atributo fundamental para levar adiante a coordenação de expectativas tão importantes na tarefa a mim confiada, motivo pelo qual hoje apresento minha renúncia, indeclinável, ao cargo.".

Ministérios unificados
Em comunicado, a Casa Rosada informou que as duas pastas, agora unificadas, ficarão sob o comando de Nicolás Dujovne, até então ministro da Fazenda e principal coordenador da política econômica do país após o pedido de resgate ao Fundo Monetário Internacional.

Luis Caputo assume interinamente a presidência do BCRA, até que o Senado aprove as modificações propostas pelo governo após a renúncia.

As trocas ocorrem dentro de um processo de restruturação iniciado por Macri desde a decisão de recorrer ao FMI para conter a forte desvalorização do peso argentino em relação ao dólar.

Os ministérios de Finanças e Fazenda estavam separados desde dezembro de 2016, quando Alfonso Prat-Gay deixou o comando da pasta unificada. Na época, a decisão foi muito influenciada pelas divergências do ex-ministro com Sturzenegger.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 10 de Dezembro de 2018
10:00
Receita do dia
Domingo, 09 de Dezembro de 2018
09:00
Santo do dia
Sábado, 08 de Dezembro de 2018
Sexta, 07 de Dezembro de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)