Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

10/01/2008 17:09

Em Goiás, 49 municípios registraram morte de macacos

Ginny Morais /Rádio Nacional

Brasília - Quarenta e nove municípios goianos registraram mortes de macacos por suspeita de febre amarela até a última quarta-feira (9), segundo registros da Secretaria de Saúde do estado. Os casos estão sendo investigados e não há previsão de quando os laudos ficarão prontos. O estado tem 246 municípios. A morte de animais por febre amarela é considerada um fato importante pelas autoridades de saúde, pois indica que há a presença do vírus no meio ambiente.

A possível existência da doença, que pode matar em até dois dias, dependendo da quantidade de vírus injetada no corpo humano pelo mosquito transmissor, levou milhares de pessoas a lotar os postos de saúde das cidades goianas nos últimos dias. Em Pirenópolis, por exemplo, onde pode ter ocorrido a transmissão da doença a Graco Abubakik, de 38 anos, que morreu na terça-feira (8) em Brasília, chegou a faltar doses da vacina para a população nessa quarta-feira (9).

O mesmo ocorreu na Cidade Ocidental, no entorno do Distrito Federal, onde apenas um dos três postos de saúde dispunha de vacinas. Por isso, o tempo de espera para atendimento chegava a duas horas.

A assessoria de imprensa da Secretaria de Saúde de Goiás confirmou a falta de vacinas em algumas cidades onde a procura está maior. De acordo com informações do órgão, isso ocorre porque os centros de saúde não estão suportando a grande demanda dos últimos dias. Esses postos são de pequeno porte e não conseguem armazenar grandes quantidades do medicamento, que necessita de condições especiais de estocagem, como temperatura de 2ºC a 5ºC.

No entanto, a Secretaria de Saúde goiana destaca que mais 250 mil doses da vacina foram liberadas ontem pelo Ministério da Saúde às 15 regionais de saúde, que são estruturas localizadas em diversas regiões do estado responsáveis pela distribuição do material às cidades.

A ordem do governo de Goiás é vacinar toda a população dos municípios onde há suspeita da doença. Segundo balanço da Secretaria de Saúde estadual, 1.041.323 pessoas haviam sido imunizadas até a última quarta-feira (9) em território goiano. A campanha de vacinação contra a febre amarela foi intensificada nos últimos dias devido à suspeita da doença.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)