Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

07/03/2010 16:00

Em frente à OAB, manifestantes pedem que exame não seja anulado

Agência Brasil

Um grupo de oito bacharéis de direito pede em frente à sede da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) para que o exame da ordem não seja anulado. No último dia 28, um candidato foi flagrado com as respostas de cinco questões na cidade de Osasco, em São Paulo, antes da realização da segunda fase da prova prática de direito penal que faz parte do exame.

O presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante, e os presidentes das seccionais estão reunidos agora para decidir quais medidas tomarão em relação ao caso. Com a descoberta da irregularidade, a OAB em São Paulo suspendeu a correção da prova e a divulgação dos resultados.

“Queremos exercer a profissão, entrar no mercado de trabalho. Não é justo sermos penalizados por um ato isolado”, disse a candidata Ana Carolina Borges, que participa do manifesto. Os recém-formados em direito só podem exercer a profissão se conseguirem a aprovação no exame.

A Superintendência da Polícia Federal em São Paulo vai investigar o suposto vazamento da prova, a pedido do presidente nacional da OAB. O candidato estava com as respostas escritas em um folha de papel escondida em um livro de consulta. Ele foi retirado da sala de prova, mas não revelou como conseguiu as informações.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)