Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/12/2005 21:17

Em duas sessões, deputados estaduais aprovam 39 projetos

ANL


Os deputados estaduais aprovaram 39 projetos em duas sessões extraordinárias esta tarde na Assembléia Legislativa. Para limpar a pauta, os deputados ainda precisam votar 23 projetos na sessão de amanhã.

Entre os principais projetos aprovados esta tarde está o projeto de lei que reestrutura a Polícia Civil de Mato Grosso do Sul. Também foi aprovado o projeto que fixa a remuneração do Governador, secretários de Estado e a verba de representação do vice-governador para 2006; a segunda revisão do Plano Plurianual (PPA) e o projeto de Lei Complementar que dispõe sobre a organização da Procuradoria Geral do Estado. Este último cria 30 cargos de procurador do Estado.

"Foi um dia exaustivo, mas conseguimos aprovar matérias importantes", considerou a deputada Celina Jallad, líder do PMDB. O deputado Pedro Kemp (PT), líder do governo, concordou. "Graças ao acordo de lideranças estamos conseguindo limpar a pauta e aprovar projetos importantes", disse.

Pelo menos dois projetos foram retirados da pauta. Um deles, de autoria do deputado Zé Teixeira (PFL), prevê a implantação do patrulhamento rural. A Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) considerou o projeto inconstitucional. O outro projeto dispõe sobre a criação do Fundo Estadual de Habitação.

Para amanhã, última sessão ordinária, entre os projetos que devem ser votados estão: o Orçamento 2006; o projeto que altera a distribuição de recursos do Fundersul (Fundo de Desenvolvimento Rodoviário de Mato Grosso do Sul); o projeto que prevê a promoção de 1,2 mil cabos e soldados da Polícia Militar e o projeto do Poder Executivo que solicita autorização para alienar as ações da Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) na Águas Guariroba, concessionária dos serviços de água e esgoto em Campo Grande.


Agência de Notícias do Legislativo - ANL
Patrícia Hadlich

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)