Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

25/08/2007 07:28

Em Campo Grande ainda são 70 crianças para apadrinhar

TJMS

Concorrendo com 214 trabalhos do país, o Projeto Padrinho do Judiciário de Mato Grosso do Sul conquistou o 1º lugar no concurso da AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros). O prêmio foi criado para promover iniciativas desenvolvidas por juízes ou servidores da justiça. A premiação será realizada durante o III Encontro Nacional de Juízes Estaduais (Enaje), entre os dias 5 a 7 de setembro, em São Luis (MA).

Projeto Padrinho – O Projeto Padrinho busca integrar a criança e o adolescente em famílias solidárias, uma alternativa ao abrigamento. De acordo com a psicóloga e coordenadora do Projeto Padrinho, Rosa Pires Aquino, ainda existem cerca de 70 crianças e adolescentes morando nos abrigos aguardando um apadrinhamento.

Idealizado pela juíza Maria Isabel de Matos Rocha, foi lançado em junho de 2000, expandindo depois para Aquidauana, Corumbá, Rio Brilhante, Amambaí e em Dourados está em fase de implantação.

Até junho deste ano, o Projeto Padrinho atendeu 556 processos da 1ª Vara da Infância e Juventude de Campo Grande. Além dos vários tipos de apadrinhamentos, o trabalho promoveu a guarda ou adoção de 36 adolescentes com idade entre 12 e 14 anos – já sem esperança de ter uma família. Alguns adolescentes do projeto já estão no mercado de trabalho.
Autoria do Texto:Secretaria de Comunicação Social

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)