Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

03/03/2016 07:20

Em ano de alerta contra zika, Rio 2016 tem repelente entre produtos oficiais

180 Graus

A proliferação do vírus da zika no Brasil se tornou uma preocupação também para os Jogos Olímpicos deste ano. Apesar de historicamente a incidência de doenças causadas pelo mosquito transmissor diminuírem a partir de junho, muitos estrangeiros, entre atletas e visitantes, mostraram receio nos últimos meses. Nesta quarta-feira, a reportagem do site ''Máquina do Esporte'' publicou a venda de repelente oficial dos Jogos na loja de produtos licenciados do Rio 2016, no aeroporto de Congonhas, em São Paulo.

O GloboEsporte.com entrou em contato com a área de produtos licenciados do Comitê Rio 2016, que confirmou que o produto é oficial e chegou ao mercado em fevereiro. No entanto, a ideia surgiu em 2011 e não tem relação com o surto de zika no Brasil e na América do Sul. A entidade reiterou que filtro solar é um produto indispensável no Rio, assim como repelente, já que o Parque Olímpico fica na beira de uma lagoa. O produto faz parte de uma linha que tem filtro solar para rosto e corpo, com diversos fatores. O filtro com repelente é uma das opções. O repelente só chegou ao mercado agora por conta do processo de licenciamento, que começou em maio de 2015 e envolveu produção, venda de mercado e negociações.

O Comitê Rio 2016 informou que o produto custa R$35. O consumidor também pode comprar um kit com protetores faciais e corporais por R$65.

Apesar do receio estrangeiro, o diretor executivo do departamento de emergências em saúde pública da Organização Mundial da Saúde (OMS), o médico Bruce Aylward, disse há duas semanas, que o Brasil fará Jogos Olímpicos fantásticos e que no momento em que o evento começar em agosto, o vírus da zika transmitido pelo mosquito "estará em baixa".

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)