Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

11/10/2004 15:28

Em 27 anos, mais eleitores e mudança política

Marta Ferreira / Campo Grande News

Em 27 anos de criação, Mato Grosso do Sul teve oito eleições diretas. O resultado das disputas é um retrato do quanto o Estado mudou neste período, em números e no quadro político. Na primeira eleição, em 1982, que coincidiu com a volta do voto direto no País, 553,7 mil sul-mato-grossenses foram às urnas e, com pouco mais de 258 mil votos, escolheram o peemedebista Wilson Barbosa Martins para governar o Estado. Martins seria eleito mais uma vez, alternando a chefia do Executivo Estado com Pedro Pedrossian, além de um mandato de Marcelo Miranda Soares.
Vinte anos após a primeira eleição direta no Estado, em 2002, o número de eleitores que fizeram a vitória do petista Zeca do PT para o segundo mandato foi de 581 mil, número superior à votação total em 1982. Comparadas as duas votações, o eleitorado cresceu 155%, passando para 1,4 milhão de pessoas.
Os nomes que aparecem entre a primeira eleição para o governo e a última e o campo político representado por eles também dão o tom das mudanças ocorridas. Quando o estado surgiu, o PT era uma legenda nanica em todo o País e, na porção sul do Mato Grosso, nem se cogitava que a legenda pudesse sair vitoriosa.
Hoje, o PT é o maior partido estadual e também governa o País. No âmbito estadual, a antiga “esquerda radical” trouxe para o seu rol de aliados políticos que iniciaram sua carreira política antes mesmo da divisão do Mato Grosso.
É o caso de Londres Machado, atualmente no PL, que não perde uma eleição para deputado estadual há nove mandatos e é, atualmente, um dos principais aliados de Zeca do PT na administração estadual.
Outros nomes, que antes eram caciques estaduais, hoje são solenes aposentados da política. Pedro Pedrossian, depois de ser governador entre 81 e 83, elegeu-se senador, em 1986. Em 90, ganhou o governo do Estado, onde ficou até 1994, quando seu rival histórico, Wilson Barbosa Martins, foi eleito.
Em 1996, o ciclo de alternância de poder ganhou uma terceira vertente, com a eleição de Zeca do PT. A partir daí, Wilson Barbosa Martins se aposentou da política. Pedro Pedrossian ainda tentou, sem sucesso, disputar o Senado. Para 2006, quando o sul-mato-grossenses terão sua nona eleição, o cenário político indica a disputa polarizada entre PT e PMDB, com duas lideranças surgidas nos últimos anos: André Puccinelli, do PMDB, prefeito de Campo Grande até o fim deste ano, e Delcídio do Amaral Gomez, o primeiro senador eleito pelo PT.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)