Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

04/10/2008 06:31

Eleições: Ministro Ayres Britto diz que tudo está pronto

TSE

O ministro Carlos Ayres Britto, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), afirmou na tarde desta sexta-feira (3) que a Justiça Eleitoral está pronta para as eleições municipais do próximo domingo, 5 de outubro.

Segundo ele, "o ânimo é o melhor possível com todo o entusiasmo de poder servir a democracia representativa".

O ministro reafirmou que os eleitores podem ficar tranqüilos no sentido de que não haverá violação do seu voto. O TSE trabalha para garantir esse direito e inclusive editou uma instrução para impedir o uso de máquinas fotográficas e outros equipamentos eletrônicos para que poderes paralelos não obriguem o eleitor a provar em quem votou. Os TREs vão, inclusive, utilizar detectores de metais portáteis para garantir o cumprimento da orientação.

Apuração

Em relação a expectativa de tempo para apuração dos resultados, o ministro disse que deve ser considerado que o Brasil é um "macrocosmo" com muitas peculiaridades e que em certos municípios, sobretudo no norte do Brasil, a comunicação é muito difícil. Mas, ainda assim, a expectativa é de que em grande parte dos municípios o resultado saia no mesmo dia da votação.


Eleição é celebração da democracia

Mais uma vez o presidente do TSE ressaltou que eleição não deve ser encarada como estorvo ou velório. Pelo contrário, "é alegria, é um canto, é uma dança, é uma celebração da democracia". Para ele, todos os eleitores brasileiros devem encarar a eleição com descontração e júbilo pela honra de participar de um processo democrático de constituição do poder político. "É o povo que investe os candidatos nos cargos governamentais. Isso é uma honra e uma responsabilidade muito grande". Ele alertou ainda que os brasileiros levem em conta a honestidade do candidato e que não votem em quem compra voto.

Força Federal

Questionado se os pedidos de força federal ainda podem ser concedidos mesmo em cima da hora, o ministro disse que a decisão pode ocorrer a qualquer momento. Ele disse que cabe à Justiça Eleitoral velar pela legitimidade e normalidade do processo eleitoral e, por isso, onde um município experimentar um fator de perturbação que prejudique a normalidade ou a legitimidade do processo impedindo o eleitor de votar livremente, ou a imprensa de trabalhar livremente, o TSE estará pronto para requisitar o auxílio da força federal. Como não haverá mais sessões até o próximo domingo, as decisões podem ser concedidas pelos ministros e referendadas posteriormente pelo plenário.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)