Cassilândia, Domingo, 10 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

21/09/2014 08:32

Ebola: recolher obrigatório em Serra Leoa entra no segundo dia sob críticas

Agência Brasil

Serra Leoa vive hoje (20) o segundo dia de recolher obrigatório de 72 horas, para ajudar a conter a propagação do vírus ebola, com críticas à operação que alguns classificam como “golpe publicitário” mal organizado.

O governo de Serra Leoa impôs um recolher obrigatório de três dias que obriga os cidadãos a permanecer em casa para tentar deter a propagação do ebola, que já fez 562 mortos no país.

Durante o recolher obrigatório, que estará em vigor até este domingo (21), cerca de 30 mil voluntários andam de casa em casa para identificar as pessoas doentes, distribuir 1,5 milhão de sabonetes e informar os cidadãos sobre as medidas para prevenir a doença, explicou o governo em comunicado.

Observadores independentes, no entanto, expressaram preocupação em relação à qualidade das orientações dadas, dizendo que a operação teve um “sucesso misto” no Oeste do país, onde fica a capital, Freetown.

“Os supervisores estão bem treinados, mas as equipes que visitam as famílias em certas regiões do Oeste do país não foram suficientemente formadas e não são capazes de transmitir corretamente as informações”, disse um dos responsáveis pela associação humanitária Saúde Para Todos, Abubakar Kamara.

Ele observou que muitos deles (os voluntários) eram demasiadamente jovens para participar deste exercício. "Em uma ou duas casas, assisti à sua intervenção, tiveram dificuldades em se comunicar com as famílias”, disse.

A associação Human Rights Watch criticou a operação: “mais um golpe publicitário do que uma intervenção de saúde”, disse Joe Amon, diretor para as questões de saúde e direitos humanos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)