Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/10/2014 08:06

Ebola: funcionário da ONU morre na Alemanha

Agência Lusa

 

Um funcionário da Organização das Nações Unidas (ONU), infectado com o vírus ebola, morreu hoje (14) na Alemanha. Ele chegou ao país na semana passada para tratamento, informou o hospital onde estava internado, a Clínica São Jorge. "O paciente com ebola morreu à noite na Clínica São Jorge, em Leipzig", anunciou a instituição em comunicado.

As autoridades locais de saúde tinham informado, na semana passada, que o doente era um médico sudanês que tinha chegado à Alemanha na quinta-feira (9), procedente da Libéria.


"Apesar dos nossos melhores esforços e do cuidado médico intensivo, o empregado da ONU, com 56 anos, sucumbiu à séria infeção", acrescenta o comunicado.

A Alemanha já tinha tratado mais dois casos de ebola infectados em Serra Leoa - um perito senegalês que recebeu assistência em Hamburgo e foi liberado no dia 4 de outubro, e um médico de Uganda, que ainda está em tratamento em Frankfurt.

A epidemia de ebola já matou mais de 4 mil pessoas este ano, a maior parte na Guiné, em Serra Leoa e na Libéria, sendo transmitida pelo contato próximo com fluidos corporais.

Os Estados Unidos e os líderes das Nações Unidas defenderam, nessa segunda-feira (13), esforços internacionais "mais robustos" para lidar com o ebola, depois de os médicos na Libéria terem exigido mais dinheiro para tratar os doentes, As autoridades consideram esta a pior crise de saúde dos tempos modernos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)