Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

18/10/2008 07:33

É grave o estado de saúde da ex-refém Heloá

Portal Terra

A neurocirurgiã Gracie Mery Lydia, do Centro Hospitalar Municipal de Santo André, informou na noite de ontem, em entrevista coletiva, que a equipe de médicos que operou a ex-refém Heloá, 15 anos, não pode retirar a bala alojada no crânio da adolescente. Questionada sobre se a operação foi bem-sucedida, Gracie afirmou que "fez o que pôde". - É um caso muito grave - disse.

Segundo a médica, é precoce falar em seqüelas. A adolescente permanece internada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do hospital. Além de ser atingida na cabeça, Heloá também foi ferida por um tiro na virilha.

A jovem foi socorrida depois de ser feita refém por 101 horas em um apartamento de Santo André, na região do ABC paulista. Lindembergue invadiu o apartamento na segunda-feira, quando a ex-namorada estava acompanhada de uma amiga e dois colegas de escola. Eles fariam um trabalho para aula quando todos foram rendidos.

Ele libertou os dois adolescentes na segunda-feira e Nayara, 15 anos, na terça-feira, após mantê-la no apartamento por 33 horas. O seqüestro teria sido motivado pela recusa de Heloá de reatar o namoro.

Na quinta-feira, a menina Nayara voltou ao apartamento onde estão Lindembergue e Heloá. Ela ainda permaneceu lá até o desfecho do seqüestro. Nayara ficou ferida na boca.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)