Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

01/02/2010 09:03

Duas novas vacinas devem imunizar 6 milhões de crianças

Campo Grande News/ Carla Gavilan

O SUS (Sistema Único de Saúde) disponibilizou duas novas vacinas no calendário básico de vacinação disponível na rede pública de saúde: a pneumocócica 10-valente e a anti-meningococo C.

As duas serão oferecidas ainda este ano em todo Brasil. A primeira, que protege contra a bactéria pneumococo causadora de meningites e pneumonias pneumocócicas, sinusite, inflamação no ouvido e bacteremia (presença de bactérias no sangue), entre outras doenças, estará nos postos de saúde a partir de março.

A segunda, que imuniza contra a doença meningocócica, poderá ser encontrada nas unidades de saúde no mês de agosto.

De acordo com o Ministério da Saúde, as novas vacinas, que até então só eram disponíveis em redes particulares, serão aplicadas em crianças menores de 2 anos nos primeiros 12 meses após a implementação,

Em 2011, elas farão parte do calendário básico de vacinação da criança específico para os menores de um ano. Depois de cinco anos do início dos novos programas de vacinação, em 2015, a previsão é que sejam evitadas aproximadamente 45 mil internações em decorrência da pneumonia, por ano, em todo o Brasil.

Segundo o diretor de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) do Ministério da Saúde, Eduardo Hage, a inclusão das vacinas será um grande avanço na saúde pública brasileira.

“As vacinas vão contribuir para a redução da mortalidade infantil e para a melhoria da qualidade de vida do brasileiro”, afirma o diretor.

Doenças – Principal causa de meningite bacteriana no Brasil, a doença meningocócica pode se manifestar como uma inflamação nas membranas que revestem o cérebro (meningite) ou como uma infecção generalizada (meningococcemia), que pode levar rapidamente à morte.

Dados preliminares do Ministério da Saúde apontam que em Mato Grosso do Sul foram registrados 11 casos da doença em 2008.

O pneumococo, por sua vez, é a segunda maior causa de meningites bacterianas (pneumocócicas) no Brasil. A pesquisa mostra que no estado foram 15 casos da doença em 2009, contra 20 em 2008. O levantamento mostra ainda que entre 2000 e 2009 foram 31 óbitos em Mato Grosso do Sul por causa da infecção.

Iinvestimentos – Para a aquisição das duas vacinas em 2010, o Ministério da Saúde investirá R$ 552 milhões. Desse total, R$ 400 milhões serão destinados para 13 milhões de doses da vacina pneumocócica e R$ 152 milhões para 8 milhões de doses da meningocócica. As doses são suficientes para imunizar 6 milhões de crianças menores de dois anos de idade.

Com o investimento, o Ministério alcança a meta do Programa Mais Saúde de introduzir duas novas imunizações no calendário básico, um ano antes da data prevista, 2011.

Com a introdução das vacinas, o Calendário Básico de Vacinação do Programa Nacional de Imunização (PNI) do Ministério passará a ter 13 tipos de vacinas para proteger contra 19 doenças.

Serviço - Confira como fica o novo Calendário Básico de Vacinação com a inclusão da pneumocócica 10-valente e anti-meningococo C:

1. BCG (contra tuberculose)
2. Vacina contra hepatite B
3. DTP (contra difteria, tétano e coqueluche)
4. DTP+Hib (contra difteria, tétano e coqueluche e infecções por Haemophilus influenzae tipo B )
5. DT (dupla adulto – contra difteria e tétano)
6. Vacina Hib (infecções por Haemophilus influenzae tipo B)
7. Vacina contra poliomielite
8. Vacina contra rotavírus
9. Vacina contra febre amarela
10.Tríplice viral (contra caxumba, rubéola e sarampo)
11.Vacina contra Influenza (gripe)
12.Vacina Pneumocócica (contra meningites bacterianas, pneumonias, sinusite, inflamação no ouvido e bacteremia)
13.Vacina anti-meningocócica (contra doença meningocócica)



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)