Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/12/2015 18:36

Dourados registra 10 casos de microcefalia em recém-nascidos

Priscilla Peres, Campo Grande News

Dourados - distante 233 km de Campo Grande, tem 10 casos notificados de crianças que nasceram no município com microcefalia, destes apenas um está sendo investigada a relação com o Zika Vírus. Os dados são Núcleo de Vigilância Epidemiológica, órgão ligado a secretaria municipal de Saúde.

Das 10 crianças nascidas com a doença, uma é moradora de Ponta Porã e outra de Bela Vista. O caso em que a relação com o Zika Vírus é investigado, é o de uma mãe que afirma ter viajado para Rondônia quando estava na 15ª semana de gestação e apresentou na época febre e manchas pelo corpo.

No dia 30 de novembro, o Ministério da Saúde informou que o país tem 1.248 casos de microcefalia notificados, em 311 municípios, sendo um em Mato Grosso do Sul.

A secretaria de Saúde informa que desde o dia 17 de novembro, quando o Ministério da Saúde emitiu nota informativa com os procedimentos preliminares a serem adotados para a vigilância dos casos de microcefalia no Brasil, a equipe municipal tem seguindo os critérios e notificando todos os casos de crianças nascidas a termo com perímetro cefálico igual ou menor que 33 cm.

Ainda de acordo com o Núcleo de Vigilância, os casos de microcefalias estão associados a vários fatores como: exposição à fatores teratogênicos como o uso de álcool e drogas, desnutrição materna, infecção por citomegalovírus, toxoplasmose, rubéola, fatores genéticos, entre vários outros.

A nota ainda afirma que os parâmetros adotados pelo Ministério da Saúde, para detecção dos casos, são muito sensíveis para a realidade regional, tanto que já saíram novas definições de caso e todos que foram notificados deverão ser reavaliados, segundo comunicação recebida pela Secretaria de Estado de Mato Grosso do Sul.

Para evitar a entrada do Zika Vírus no município a Vigilância Epidemiológica, em conjunto com os demais seguimentos, está finalizando um Plano de Contingência e realizando reuniões técnicas com os profissionais de saúde voltadas para as orientações pertinentes. A população está recebendo informações sobre os cuidados a serem tomados e exigir do serviço de saúde a notificação imediata dos casos suspeitos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)