Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

11/08/2015 14:00

Dor nas costas: um tormento para muitas pessoas que pode ser resolvido

Portal Segs

Se você fizer uma enquete com seus parentes e amigos – assim, sem nenhuma preocupação metodológica – sobre se a pessoa sente ou já sentiu dores nas costas, vai levar um susto. Para o Doutor Sergio Cortes, especialista no assunto, uma grande parte da população mundial sofre com problemas de coluna.

A vida sedentária, o sobrepeso e a má postura são apontados como os principais responsáveis. O estilo de vida moderno exige que fiquemos mais tempo sentados nos escritórios, nos carros, na frente da televisão ou do computador. E vamos ficando cada vez mais sedentários, mais obesos, mais doloridos.

Segundo Sergio Cortes é preciso consciência de que não basta resolver a situação de forma imediata através da ingestão de analgésicos. Cada dia que passa sem que se faça uma adequada alteração em nossos hábitos o problema vai se agravando. A partir daí, somente intervenções mais radicais como cirurgias vão minimizar as dores.

A proposta, na visão do dr. Sergio Cortes , é de que as pessoas devem tomar consciência que pequenas atitudes realizadas sistematicamente são o melhor analgésico. Não é preciso alterar drasticamente o modo de vida para melhorar a sua qualidade. Por exemplo, introduzir a atividade física nas nossas tarefas cotidianas, na grande maioria dos casos, é o suficiente para minimizar e até resolver o problema das incômodas dores.

Mas Sergio Cortes adverte que a primeira atitude de quem sofre com dores na coluna é a de procurar ajuda profissional. "Cada caso é diferente do outro e cada diagnóstico vai sugerir qual a atividade mais indicada para reduzir o impacto na coluna", diz o médico. Esse impacto negativo pode ser consequência de um dos fatores já apontados, como a má postura, o sobrepeso e a falta de exercícios físicos. Para o doutor Sergio Cortes, este primeiro passo é indispensável e somente um especialista pode indicar a atividade mais adequada, além de dar outras orientações importantes.

Atividades físicas

Já é consenso hoje entre os profissionais da área de saúde de que bons resultados não aparecerão somente se você se tornar um atleta! Caminhar duas a três vezes por semana é bem melhor que nada. Deixar o carro em casa e fazer a pé curtas distâncias já faz diferença. Você já tentou subir as escadas ao invés de pegar o elevador ou descer uma parada antes da sua e caminhar o restante do percurso? Todas estas pequenas mudanças já são muito importantes.

Na opinião do médico especialista Sergio Cortes, uma boa postura ao caminhar, sentar e dormir e atividades como musculação, pilates, natação e hidroginástica são as mais indicadas. Muito importante também são os exercícios de alongamento. Ao acordar, antes de sair da cama, procurar alongar braços, pernas, “espreguiçar”, bem como fazem os gatos quando vagarosamente se “espicham”. Outra atitude recomendada pelo especialista é o de fazer todas as atividades acompanhado de um bom instrutor.

Para finalizar, o Doutor Sergio Cortes também aconselha que o paciente, ao realizar sua consulta, explique ao médico que tipo de profissão tem, quais as atividades que exerce em seu dia-a-dia . É importante que o médico saiba se o paciente fica muito tempo sentado, se carrega peso, se caminha muito. Para cada situação existe um diferencial que vai ajudar a protelar ou até eliminar as indesejáveis dores.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)