Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

27/07/2016 14:00

Dor de garganta

Minha Vida

O que é Dor de garganta?

A dor de garganta é um sintoma muito doloroso, que incomoda o paciente. A maioria dos casos de dor de garganta indicam doenças ou inflamações leves, que cessam sem tratamento médico ou então com o uso tópico de anti-inflamatórios. Várias condições podem causar uma dor de garganta, e é preciso ficar atento caso o sintoma não desapareça - em caso de dúvida, procure um médico.

Causas

Em geral, as causas mais comuns para a dor de garganta são:

Infecções virais

A dor de garganta pode ser ocasionada por uma infecção viral. Entre as causas mais comuns estão:

Gripe ou resfriado, os tipos mais comuns de infecção viral
Laringite (A maioria dos casos de inflamação nas cordas vocais é viral. Os sintomas são voz rouca e tosse, que por sua vez traz muito incômodo).
Faringite (normalmente é viral, e a pessoa sente dor para engolir e falar, além de sentir a inflamação que parece ficar até ao final da boca).
Amigdalite (casos de inflamação viral nas amígdalas são identificados por uma ferida vermelha no local)
Mononucleose
Parotidite infecciosa
Herpangina
Faringoamigdalite (infecção na faringe e na amígdala)

Infecções bacterianas

Uma infecção bacteriana pode também levar a uma dor de garganta, e as principais causas são:

Faringite (essa inflamação também pode ser bacteriana, e nesse caso é comum encontrar também as aftas e pus, além dos sintomas já citados).
Amigdalite (as infecções virais nas amígdalas são identificadas com a presença de pus. Pode vir acompanhada de adenoidite)
Inflamação da epiglote (epiglotite)
Inflamação da úvula (uvulite)
Faringoamigdalite

Em raros casos, doenças sexualmente transmissíveis (DST), como a gonorreia ou a clamídia, podem ocasionar dor de garganta. Se você se envolveu em comportamentos de alto risco sexual, pode considerar essas doenças.
Irritações e lesões

Uma dor de garganta que dura mais de uma semana, também pode ser causada por substâncias irritantes ou lesões, como:

 

Baixa umidade, tabagismo, poluição do ar, forçar a voz ou drenagem nasal
Respirar pela boca, quando você tem alergias ou está com o nariz entupido, levando sujeira e bactérias para a garganta.
Refluxo de ácido estomacal para a garganta, o que pode ser um sintoma de doença do refluxo gastroesofágico. A dor de garganta nesse caso costuma vir acompanhada de sintomas como azia, um sabor ácido na boca ou uma tosse.
Um machucado físico, como um corte, causado ao engolir algo pontiagudo.
Síndrome da fadiga crônica, uma doença que provoca cansaço extremo.

Na consulta médica

Se a dor de garganta persistir, você deve buscar atendimento médico para investigar as causas e fazer o tratamento adequado. No exame físico, o médico pode pedir que você abra a boca para que examine a existência de pus ou inflamação. Ele também pode medir a sua temperatura para identificar se você tem febre.

Seu médico pode fazer as seguintes perguntas a você durante a consulta. Esteja pronto para respondê-las e ajude-o a descobrir o seu diagnóstico:

Quando a dor de garganta começou?
Você teve febre?
Você tem outros sintomas associados com a dor de garganta, como dor no corpo?
O que faz a sua dor de garganta piorar?
Outros membros da família, amigos ou colegas de trabalho têm queixas semelhantes?
Você teve suas amígdalas removidas?
Você foi diagnosticado com faringite no passado? Como foi tratado?
Quais tratamentos em casa você já tentou?
Quais medicamentos você já tentou para curar a dor de garganta?

Tratamento de Dor de garganta

O tratamento para dor de garganta depende da causa. Se for uma doença viral, como gripe, é importante não usar antibióticos para tratá-las - pois eles eliminam apenas as bactérias, e não os vírus. Alguns tratamentos naturais são utilizados para a dor de garganta - mel, própolis, maçã com mel, gengibre, limão e papaína - mas eles são apenas paliativos e não tratam a raiz do problema. Mas, o que é sempre mais indicado é que a pessoa procure seu médico para que ele faça o acompanhamento e receite o remédio ou tratamento mais preciso.

Medicamentos para Dor de garganta

Uma dor de garganta pode ter diversas causas, de modo que o tratamento varia de acordo com o diagnóstico estabelecido pelo médico. Por isso, somente um especialista capacitado pode dizer qual o medicamento mais indicado para o seu caso, bem como a dosagem correta e a duração do tratamento. Os medicamentos mais comuns no tratamento de dor de garganta são:

AAS
Alivium
Azitromicina
Benalet
Cataflam
Coristina D
Diclofenaco Colestiramina
Diclofenaco Potássico
Diclofenaco Resinato
Dipirona
Fenaflan D
Flanax 550mg
Flogoral
Ibupril (gotas)
Ibuprofeno
Nimesulida
Naldecon Dia
Naldecon Noite
Nisulid
Paratram
Paracetamol Bebê
Paracetamol

Siga sempre à risca as orientações do seu médico e NUNCA se automedique. Não interrompa o uso do medicamento sem consultar um médico antes e, se tomá-lo mais de uma vez ou em quantidades muito maiores do que a prescrita, siga as instruções na bula.

Prevenção

Não há como prevenir uma dor de garganta, mas alguns cuidados ajudam a reduzir os riscos de uma dor de garganta. Entre eles, estão:

Oito ideias para aliviar a dor de garganta

Lave as mãos com frequência, especialmente quando você tiver contato com pessoas doentes ou com grandes aglomerações
Mantenha distância de agentes irritantes, como cigarro, poluição, que causam a dor de garganta
Não force a voz
Não respire pela boca
Não fume ou utilize outros produtos de tabaco e evite a exposição ao fumo passivo
Evite o contato com pessoas que têm infecções na garganta
Cuide do nariz entupido. Use descongestionantes receitados pelo seu médico ou realize a lavagem do nariz
Cuidado com a troca de temperatura ambiente
Beba muita água par evitar a desidratação.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)