Cassilândia, Domingo, 23 de Abril de 2017

Últimas Notícias

25/06/2005 09:41

Dor crônica atinge 30% dos brasileiros, diz médico

Lucas Parente/ABr

A dor crônica atinge cerca de 30% da população brasileira. A afirmação é do coordenador da área de tratamento da dor do Instituto Nacional de Tráumato-Ortopedia (INTO), médico Márcio Rondinelli. "A dor crônica é um sintoma que se mantém a partir de seis meses. Um paciente que apresenta qualquer tipo de problema como uma queda, uma cirurgia ou uma dor sem causa aparente isso é classificado pela Organização Nacional de Saúde (ONS) como dor crônica", afirmou.

O tratamento requer médicos especializados. São necessários preparo especial, conhecimentos no uso de medicações e procedimentos. "É usado tratamento com acupuntura e psicologia. Às vezes, o paciente está passando por algum momento de tensão que dificulta a recuperação", informou.

Ainda de acordo com Rondinelli, o problema nem sempre tem cura. "Não podemos dizer que quem tem dor crônica irá se livrar definitivamente dela. O nosso objetivo é proporcionar alívio, uma melhora, a reabilitação. É fazer com que a pessoa volte a ter uma vida ativa, uma vida profissional".

Cerca de 200 médicos e residentes vão debater as melhores formas de combater a dor crônica na III Jornada de Tratamento da Dor do Instituto Nacional de Tráumato-Ortopedia, no Rio de Janeiro, nos dias 25 e 26 de julho.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 23 de Abril de 2017
09:00
Maternidade
Sábado, 22 de Abril de 2017
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Sexta, 21 de Abril de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)