Cassilândia, Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

Últimas Notícias

10/02/2015 20:54

Donos de postos aproveitam reajuste da gasolina e elevam lucro em 90%

Campo Grande News

De carona no reajuste de R$ 0,22 nos impostos sobre a gasolina, os postos de combustíveis aumentaram a margem de lucro e o consumidor percebeu a diferença de R$ 0,43 no preço. Levantamentos da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) revelam que a margem subiu 90% em Campo Grande e 61%, em Mato Grosso do Sul, nos últimos quinze dias.

Há duas semanas, o preço do litro da gasolina na distribuidora era R$ 2,668 e, com margem de lucro de R$ 0,455, os postos vendiam ao preço médio de R$ 3,123. Depois do reajuste, os postos passaram a comprar o litro por R$ 2,727 e, com lucro de R$ 0,733, vender pela média de R$ 3,460 no Estado. Com isso, o preço para os postos ficou R$ 0,05 mais caro, mas subiu R$ 0,33 para o consumidor final.

Em Campo Grande, o preço da distribuidora era R$ 2,641, a margem era de R$ 0,393 e o preço médio do litro para o consumidor era R$ 3,034. Há dez dias, no entanto, o valor cobrado pela distribuidora passou para R$ 2,716, um aumento de apenas R$ 0,07, mas nas bombas é cobrada a média de R$ 3,465, o que significa alta de R$ 0,43.

A pesquisa mostra que a gasolina no Estado é a 5º mais cara do país. Conforme a ANP, o Acre lidera o ranking, com preço médio de R$ 3,624. Lá, a margem de lucro subiu R$ 0,11, nos últimos quinze dias.

Revolta - Absurdo e injustiça são as palavras mais usados pelos consumidores que comentaram o aumento. A cabeleireira Nathália Amaral, 29 anos, reclama que além de pagar mais caro sofre com as consequências do reajuste no comportamento de seus clientes.

“É um absurdo! Percebo, nitidamente, que quando o combustível aumenta as outras coisas também aumentam e as pessoas passam a tentar gastar menos. Sou autônoma e sinto na pele que as pessoas estão segurando os gastos. Então, o que não é prioridade, as pessoas deixam em segundo plano e procuram só o essencial”, lamentou.

Para o arquiteto João Alves, 58 anos, que gasta mais de R$ 500 com combustível, por mês, a situação é revoltante. “Isso é absurdo! É complicado demais pensar numa situação dessa, porque qualquer aumento nos combustíveis prejudica muito todas as pessoas, sobem todos os outros produtos e serviços. Se os donos estão lucrando demais isso é muito injusto com o consumidor”, disse.

Justificativa – O aumento além do reajuste tem seus motivos, segundo o Sinpetro (Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo e Lubrificantes de Mato Grosso do Sul).

Os postos estão repassando aos clientes o aumento dos custos com energia e se preparando para o reajuste do dissídio coletivo do setor, que deverá aumentar os salários em torno de 6% ou 7%, conforme explicou o supervisor técnico do Sinpetro, Edson Lazaroto.

De acordo com Edson, o percentual ainda não foi definido. Ele lembrou ainda o encarecimento do diesel, cujo o preço médio do litro aumentou R$ 0,21, com a alta de R$ 0,15 sobre o PIS (Programa de Integração Social) e a Cofins (Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social). O óleo é utilizado para transportar a gasolina, por isso ela fica ainda mais cara.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 23 de Junho de 2017
Quinta, 22 de Junho de 2017
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)