Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

17/08/2007 10:36

Dono de imagem pode vender santinhos para custear gastos

Gylson Ferreira/Campo Grande News

A movimentação de milhares de devotos que vão à casa da família Rezek para visitar a imagem de Nossa Senhora de Fátima pode levar o proprietário da residência a produzir e vender alguns souvenirs, como "santinhos" e postais. José Rezek, dono da imagem, diz que precisa custear de alguma forma os gastos que tem com água, luz e gás: "Desde que começaram as romarias, as minhas contas aumentaram muito".

Até poucos dias, a família se mostrava relutante em aceitar doações que não fossem feitas em alimento. Hoje, já recebem algum dinheiro: "Tem uma caixinha aí e algumas pessoas fazem questão de colaborar. Mas é muito pouco e não dá para cobrir minhas despesas", explica Rezek. Por isso, o plano de produzir "santinhos" pode se concretizar em breve.

Na verdade, a idéia já foi, de certa forma, colocada em prática, mas José Rezek planeja frear as iniciativas de terceiros: "Teve uma pessoa que veio aqui, tirou uma foto e depois apareceu vendendo as lembrancinhas na frente da minha casa. Estou conversando com um advogado porque não posso admitir isso. Se a imagem é minha, quem pode explorar sou eu", queixa-se o proprietário.

Recebendo aproximadamente 3 mil visitantes por dia, a família tem utilizado, em média, um botijão de gás a cada dia para preparar a sopa que é distribuída aos devotos. Rezek calcula que em alguns finais de semana, mais de sete mil pessoas estiveram em sua casa. Ele determinou horários de visitação - das 13h às 18 horas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)