Cassilândia, Quinta-feira, 24 de Maio de 2018

Últimas Notícias

16/09/2005 09:02

Dona de casa vai pagar menos INSS

Agência Senado

Toda dona de casa cujo marido tenha renda inferior a R$ 623,44 poderá contribuir para o INSS pagando apenas 7,65% sobre o salário mínimo (R$ 22,95 por mês), e não 20%, como permitido para os segurados facultativos. Isso é o que determina projeto de lei oriundo da Câmara (PLC 25/04) aprovado nesta quinta-feira (15) pelo Plenário do Senado. O projeto terá uma segunda votação e, depois, retornará ao exame dos deputados, pois foi modificado pelos senadores.

O relator do projeto, senador Augusto Botelho (PDT-RR), concordou com a idéia geral da proposta dos deputados, mas sugeriu pequenas alterações. Ele afirma que o atual gasto mínimo de R$ 60 para as donas de casa de baixa renda é muito elevado e que a redução irá atrair para a Previdência Social um elevado percentual das mais de 20 milhões de donas de casa do país.

A mulher que se encaixar na nova situação terá direito as todos os benefícios (auxílio-doença, maternidade etc) e sua aposentadoria será de um salário mínimo, desde que tenha atingido a idade de 60 anos. O projeto concede o mesmo benefício a homens que façam apenas trabalho doméstico em sua casa e cuja mulher tenha no máximo a renda de R$ 623,44 - apesar de se tratar de uma situação pouco comum.

O senador Augusto Botelho diz que o projeto irá resolver um problema social grave, que são as donas de casa separadas de seus maridos ou companheiros estáveis. Mulheres nesta situação, acrescenta o senador, não têm direito a aposentadoria e enfrentam dificuldades na velhice.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 24 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quarta, 23 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)