Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

01/02/2007 16:29

Dólar desaba 1,04%

Humberto Marques/Campo Grande News

A cotação do dólar “desabou” nesta quinta-feira (1º de fevereiro), encerrando o dia de negócios vendida a R$ 2,102, queda de 1,04% em relação ao fechamento de ontem. Na mínima do dia, a moeda chegou a R$ 2,101. Segundo a Reuters, os ingressos contínuos de recursos e o cenário favorável aos ativos de mercados emergentes foram os responsáveis pela desvalorização, que deixou a moeda no valor mais baixo desde maio de 2006.

A manutenção do juro dos Estados Unidos em 5,25% e a manifestação de menor risco inflacionário naquele país trouxe otimismo ao mercado financeiro nacional. A aposta é de que, em um futuro próximo, o Federal Reserve poderá efetuar um corte na taxa. Juros menores nos EUA acabam atraindo investidores para os mercados emergentes, onde a rentabilidade proporcionada por essas taxas é maior.

Essa perspectiva derrubou o Risco-Brasil, medido pelo banco JP Morgan, para os 185 pontos-básicos sobre os Treasuries norte-americanos (títulos dos EUA com vencimento em até dez anos). O índice é próximo da menor marca histórica.

O Banco Central voltou a atuar no mercado, realizando leilão de compra com taxa de corte a R$ 2,1075. As operações influenciaram as reservas internacionais do País, que superam os US$ 91 bilhões. O fluxo comercial também é positivo: a balança comercial brasileira encerrou o mês de janeiro com superávit de US$ 2,494 bilhões.

Analistas de mercado lembraram que a queda do dólar teve início nos contratos futuros, que acabaram “contaminando o mercado à vista”. Os contratos de dólar para março na Bolsa de Mercadorias & Futuros, que foram os mais negociados do pregão, encerraram o dia a R$ 2,108. Em geral, os contratos estavam cotados a R$ 2,12. Essa situação levou investidores a apostarem que o BC investirá em leilões de swap cambial reverso – que têm efeito de uma compra futura de dólares.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)