Cassilândia, Quarta-feira, 26 de Abril de 2017

Últimas Notícias

27/10/2004 13:28

Documento prevê erradicação da febre aftosa até 2010

Fernanda Mathias / Campo Grande News

O documento “América sem aftosa em cinco anos” será entregue à diretoria da Organização Panamericana de Saúde, Mirta Roses Periagro, e prevê a erradicação da doença até 2010. Os dois casos recentes de aftosa em bovinos no Brasil, um no Pará e outro no Amazonas, embora tenham ocorrido em regiões onde a pecuária de corte exportadora não tenha importância econômica, abalaram as exportações de carne bovina do País. A Rússia, por exemplo, embargou as compras de carne bovina brasileira por causa desses focos. As exportações de Mato Grosso do Sul àquele País tiveram queda de 10%.
Para erradicar, até 2010, a aftosa de áreas consideradas carentes e sem recursos, como o Norte e Nordeste do Brasil, além do Chaco Boliviano, e Equador, entre outras regiões sensíveis no continente sul-americano, Guedes informa que seriam necessários US$ 45 milhões. Esses recursos viriam de um fundo internacional, alimentado até por países que têm o maior interesse em erradicar a aftosa das Américas, como Estados Unidos, Canadá e México. \"Poderia haver também recursos dos abates\", ressalta o presidente do Fórum Permanente da Pecuária de Corte da CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil), Antenor Nogueira. \"Se esses recursos não forem criados, regiões que não trazem tanto retorno econômico no que diz respeito à pecuária de corte podem pôr todo um trabalho a perder\", ressalta Antenor Nogueira.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 26 de Abril de 2017
Terça, 25 de Abril de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)