Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/08/2007 14:13

Diretor descarta falha de piloto em relação a manete

Agência Câmara

O diretor de Segurança da TAM, Marco Aurélio Castro, disse que considera improvável a existência de falha dos pilotos em relação aos manetes (controles de aceleração das turbinas) do avião da empresa envolvido em acidente no mês passado. Um dos manetes do Airbus A320 estava em posição de aceleração, fato que, para Castro, pode ter sido determinante para a tragédia que matou quase 200 pessoas em 17 de julho, em São Paulo. Ele disse, no entanto, que nunca soube de caso de erro dos pilotos em relação ao equipamento.

Marco Aurélio Castro depõe neste momento na CPI da Crise Aérea da Câmara Federall . Em resposta ao deputado Ivan Valente (Psol-SP), ele afirmou que turbina superaquecida e problemas nos flaps e no trem de pouso não podem ser considerados defeitos, uma vez que o avião tem um sistema de checagem durante o vôo que os corrige. Sobre a existência de um reverso travado no avião da TAM, Castro disse que o fato é normal e que, por isso, os pilotos nem são treinados para lidar com essa situação.

Na reunião, o deputado Vic Pires Franco (DEM-PA) mostrou ao diretor notificações feitas pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) à TAM em razão de atrasos na inspeção e na verificação de aviões. Marco Aurélio Castro respondeu que não tomou conhecimento das notificações.

Poltronas
À deputada Solange Amaral (DEM-RJ), o diretor de segurança da TAM disse que não vê necessidade em mudar as poltronas dos aviões, aumentando o espaço entre elas. Segundo Castro, as poltronas são desenhadas para que o passageiro tenha todo o conforto.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)