Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/02/2007 08:15

Dicas de como agir em caso de golpe do falso sequestro

ASCOM/PCERJ

O golpe do falso sequestro ou falso acidente está deixando muita gente preocupada em Cassilândia. Pelo menos dois leitores do Cassilândianews foram vítimas nas últimas semanas. Por telefone foram informados de que uma pessoa da família estava sendo sequestrada e que teria que ser depositado a quantia de R$ 3 mil. No final da negociação o suposto sequestrador aceitava até cartões telefônicos como forma de pagamento do resgate.

No site da polícia civl do estado, especialistas dão dicas de como agir em uma situação dessas. Confira:

- Orientar familiares e empregados a notificar quando tomarem conhecimento sobre o atendimento de contato telefônico, conversas com empregados ou outras pessoas que implique “suspeita de levantamento” de informações de caráter pessoal;

- Não informar a ausência ou o paradeiro de ninguém pelo telefone;

- Solicitar a qualquer pessoa que ligue, que se identifique e deixe o número do telefone de onde está falando para que se faça contato posteriormente;

- Nunca aja impulsivamente, não aja sob emoção, mas com a razão;

- Ao receber um telefonema comunicando que um familiar ou amigo está acometido de uma doença ou sofreu um acidente, peça todas as informações possíveis sobre o caso, sobre quem está falando e solicite um telefone da unidade para confirmação. Servidores públicos nunca ligam a cobrar de telefones celulares;

- Ligação que comunica que algum familiar ou amigo foi “seqüestrado”, insistir para falar diretamente com ele;

- No caso de ligação que, em primeiro lugar perguntar, “QUEM ESTÁ FALANDO?” ou “DE ONDE ESTÃO FALANDO?”, não forneça nenhuma dessas informações. Responda por intermédio de outra pergunta: “COM QUEM DESEJA FALAR?” ou, “QUE NÚMERO DISCOU?”.

- Ligação pedindo confirmação do endereço para a entrega de presentes, brindes ou flores, procure saber de onde fala e qual é o nome do estabelecimento, dizendo que ligará em seguida dando a informação solicitada;

- Tente localizar a vítima utilizando todos os recursos possíveis, acionando amigos, parentes e familiares, sem fazer comentários de um possível seqüestro;

- Havendo dúvidas , trate a ligação como se fosse realmente um caso de seqüestro e tome as providências exigidas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)