Cassilândia, Domingo, 10 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

07/12/2004 13:30

DFA doa 1 tonelada de alimentos para entidades de MS

Fernanda Mathias / Campo Grande News

A DFA (Delegacia Federal de Agricultura) doou mais de um tonelada de arroz e feijão para entidades assistenciais do Estado, além de 159,7 7 toneladas de alimentos para
animais, ingredientes e fertilizantes, que foram direcionados para a instituições de pesquisa, universidade e órgãos públicos.
O delegado federal da Agricultura, Grosso do Sul, José Antônio Roldão, explica que os produtos são procedentes de apreensão. De janeiro a novembro deste ano de 2004,
os fiscais visitaram 337 estabelecimentos que comercializam produtos agrícolas, como feijão, arroz, óleo de soja, entre outros, e também produtos como fertilizantes e alimentos para animais. "Os fiscais coletam amostras em estabelecimentos escolhidos aleatoriamente, uma vez que não é possível visitar a todos. Essas amostras são examinadas e, se estiverem fora do padrão exigido, todo o lote é recolhido. Por exemplo, um arroz classificado como tipo um, que tem determinada qualidade e preço, pode ser recolhido se o laudo mostrar que ele é na verdade de tipo 2, estando portanto irregular" explica Roldão.
Os produtor são aptos para o consumo, mas ainda assim passam por análise antes de serem doados para entidades assistenciais ou para instituições como as citadas acima. Nos 337 estabelecimentos comerciais visitados, das 182 amostras coletadas para fins de classificação fiscal, de arroz, feijão e óleo de soja, 96 foram consideradas amostras normais e 86 apresentaram irregularidades, resultando na apreensão de todos os lotes referentes a essas 86 amostras.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)