Cassilândia, Quinta-feira, 23 de Fevereiro de 2017

Últimas Notícias

29/09/2016 16:33

Dez pessoas são expulsas do serviço público por fraudes em instituto federal

Yara Aquino - Repórter da Agência Brasil

 

Dez funcionários do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará (IFPA) foram expulsos do serviço público por irregularidades. As penalidades foram aplicadas pelo Ministério da Educação com a colaboração do Ministério da Transparência, Fiscalização e Controle.

Foram nove demissões e uma destituição de cargo em comissão. Todos ficam impedidos de retornar ao serviço público. Os funcionários expulsos respondem por improbidade administrativa, lesão aos cofres públicos, dilapidação do patrimônio nacional e valimento de cargo para proveito pessoal.

Os desligamentos foram resultado de um Processo Administrativo Disciplinar (PAD) em que os servidores tiveram direto ao contraditório e à ampla defesa.

O PAD foi instaurado a partir da Operação Liceu, deflagrada em 2012 pelo Ministério Público Federal e a Polícia Federal em parceria com a extinta Controladoria-Geral da União (CGU). A investigação revelou uma organização criminosa que desviava recursos federais repassados ao IFPA destinados à concessão de bolsas para os alunos e professores.

Também foram constatadas fraudes na comprovação de despesas, pagamento indevido de diárias e passagens, além de saques e pagamentos não vinculados aos objetivos institucionais.

Edição: Luana Lourenço

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 23 de Fevereiro de 2017
Quarta, 22 de Fevereiro de 2017
13:30
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Terça, 21 de Fevereiro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)