Cassilândia, Quarta-feira, 22 de Novembro de 2017

Últimas Notícias

11/11/2017 14:31

Detentos de penitenciária federal de MS fazem greve de fome

Midiamax

Detentos da Penitenciária Federal de Campo Grande estão fazendo greve de fome para reivindicar melhorias nas condições das instalações. Ações semelhantes e rebeliões acontecem em pelo menos 7 Estados do Brasil. Já os governos de Mato Grosso, Acre e Pará associam os atos a ordens de facções criminosas. As informações são do jornal O Estado de São Paulo.

Conforme a publicação, as rebeliões e protestos atingem pelo menos 34 presídios, entre estaduais e federais. O governo do Estado informou que continua fornecendo alimentação aos presos, mesmo com a decisão de greve de fome. Além de Mato Grosso do Sul, Pará, do Acre, do Rio, de Mato Grosso e Rio Grande do Norte também registraram greve de fome por parte dos detentos.

O Ministério da Justiça confirmou que há protestos nos quatro presídios federais: de Catanduvas (PR), Campo Grande (MS) e Mossoró (RN). Destas unidades, 112 presos se recusam a receber alimentação.

"Eles dizem que procedem deste modo por serem contra a 'opressão do sistema penitenciário federal'. Cabe ressaltar que os presos que estão no sistema penitenciário federal não sofrem nenhum tipo de opressão", informou o ministério ao jornal.

No Brasil
O caso com consequências mais graves foi registrado em Cascavel, no Paraná, onde dois detentos foram assassinados. A secretaria do Paraná confirmou o fim da rebelião somente na manhã deste sábado (11).

Em Mato Grosso, 26 presos fugiram após explodirem o muro da penitenciária Major Eldo Sá Corrêa. Na unidade, também foi registrando greve de fome desde o início da semana.

No Rio de Janeiro, a greve de fome iniciada na quarta-feira (8) atinge 12 presídios do Complexo Penitenciário de Gericinó, na zona oeste da cidade.

No Acre, o Presídio Francisco D’Oliveira Conde, em Rio Branco, também está com registro de greve de fome.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 22 de Novembro de 2017
Terça, 21 de Novembro de 2017
Segunda, 20 de Novembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)