Cassilândia, Quarta-feira, 14 de Novembro de 2018

Últimas Notícias

13/08/2018 16:01

Desistência de Simone leva Odilon a adiar registro de candidatura PDT

Humberto Marques, Campo Grande News

 

O PDT adiou o registro da chapa majoritária na qual seu candidato a governador, Odilon de Oliveira, vai disputar as eleições deste ano. A medida foi resultado da desistência da senadora Simone Tebet (MDB) em disputar o pleito, o que, conforme a assessoria do pedetista, poderá atrair mais aliados para seu grupo político.

Odilon havia previsto registrar sua candidatura a governador, a do vice, o Pastor Marcos Vítor (PRB), e a dos candidatos a senador Pedro Chaves (PRB) e Humberto Figueiró (Podemos), bem como dos suplentes, às 14h desta segunda-feira (13). Em nota, o PDT informou que o ato para formalizar a candidatura ficou para quarta-feira (15) “em horário a ser comunicado”.

O adiamento, reforçou o partido, é resultado de “negociações com outros partidos políticos que devem apoiar o candidato do PDT, com a decisão da desistência da candidatura da senadora Simone Tebet”.

Debandada – Simone confirmou em nota, na noite de domingo (12), que deixava a disputa eleitoral por questões particulares. Ela afirmou que havia atendido a pedido do ex-governador André Puccinelli (MDB), preso na operação Lama Asfáltica, para o substituir no processo eleitoral, levando-se pela “emoção”.

Além de confirmar sua saída do páreo eleitoral, Simone indicou o seu candidato a vice, o procurador de Justiça Sérgio Harfouche (PSC), como substituto –primeiro candidato ao Senado, ele havia aceitado a solicitação do partido no Estado e assumindo candidatura ao governo, porém, apontando imposições da cúpula nacional, aceitara indicação para a vice de Simone, fato que gerou mal-estar durante a convenção social cristã em 4 de agosto.

A inscrição de Simone na disputa já havia feito o MDB perder três aliados –Avante, PMN e Patriota optaram por se alinhar à candidatura de Reinaldo Azambuja (PSDB) à reeleição.

Em paralelo, um grupo de aliados do MDB avalia deixar a coligação, também insatisfeitos com a segunda substituição de candidato. PTC, PR, PHS, PRTB, DC e PRP cogitam, inclusive, lançar outro candidato ao governo, ao passo que os próprios emedebistas admitiram a possibilidade de se alinhar a Odilon.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 14 de Novembro de 2018
09:00
Santo do dia
Terça, 13 de Novembro de 2018
17:57
Cassilândia/Paranaiba/Chapadão
09:00
Santo do dia
Segunda, 12 de Novembro de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)