Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

13/01/2011 06:42

Desabrigados lotam ginásio em Teresópolis, que já tem 130 mortos

Vladimir Platonow, Agência Brasil
Agência BrasilAgência Brasil

Teresópolis (RJ) - O Ginásio Esportivo Pedro Jahara se tornou do dia para a noite o lar para cerca de 300 pessoas. São famílias que viram suas casas serem levadas ou abaladas pela água que desceu com força da serra, na madrugada de ontem (12), e agora não têm para onde ir. Elas sobreviveram ao maior desastre natural da história da cidade, que até ontem à noite contabilizava 130 mortos.

Deitados lado a lado, casais tentam reorganizar a rotina em meio ao tumulto, fazendo esforço para manter os filhos pequenos por perto, pois para as crianças tudo é novidade.

A dona de casa Aline Silva conta que escapou por pouco do deslizamento no bairro Feu, onde morava com três filhos. “Quando a gente escutou o estrondo, mal deu tempo de correr com a roupa do corpo e salvar alguns documentos. O resto a gente perdeu tudo, pois a casa não tem mais como aproveitar, está condenada”, contava Aline, enquanto dava um prato de sopa para o filho de dois anos.

Se por um lado a perda foi total para centenas de famílias, a comunidade de Teresópolis mostrou organização e solidariedade, lotando de doações as arquibancadas do ginásio.

O secretário municipal de Desenvolvimento Social, Rudimar Caberlon, responsável pela operação no local, estimou que o número de desabrigados deve aumentar nas próximas horas, pois ainda há muitos lugares onde as equipes de salvamento sequer conseguiram chegar. Boa parte das estradas foi totalmente comprometida e está coberta por uma espessa camada de lama que torna quase impossível a chegada de veículos.

“Existem alguns lugares onde não conseguimos chegar ainda, então o número de vítimas poderá aumentar. Infelizmente não temos como quantificar exatamente, pois a toda hora estão chegando pessoas. Mas as estimativas apontam para mais de mil desabrigados”, afirmou Caberlon. Ele pediu que a população doe principalmente materiais de higiene pessoal, colchonetes, cobertores, fraldas descartáveis, toalhas e água.

O secretário disse que ainda não existe um cálculo dos prejuízos causados pela enxurrada, o que só deverá estar pronto dentro de alguns dias. A prefeitura de Teresópolis abriu uma conta no Banco do Brasil para receber donativos em dinheiro: agência 0741, conta 110000-9.

Edição: Graça Adjuto

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)