Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

30/08/2007 05:48

Des. Contar assume apontando as virtudes teologais

TJMS

Emocionante. Esta é a palavra que descreve o sentimento que tomou conta dos presentes na solenidade de posse do novo desembargador do Tribunal de Justiça, Carlos Eduardo Contar. Depois de cumprimentar os presentes, ele quebrou o protocolo e rendeu homenagens ao seu antecessor, Des. Horácio Vanderlei Nascimento Pithan, entregando-lhe uma lembrança.

“Acredito e almejo ser ele um homem realizado. Primeiro, por todas as suas ações traduzidas na vida pública e privada e, depois, porque deve estar pensando, satisfeito, que graças aos seus ensinamentos, aos seus esforços, à sua dedicação e profissionalismo, um ex-aluno da primeira turma para a qual lecionou ocupa a vaga por ele deixada”, disse referindo-se ao antigo mestre.

Contar não esqueceu de mencionar suas origens profissionais: “Recomeço, neste instante, meus primeiros passos profissionais, retornando à Casa que me acolheu como servidor no início da década de 80, em meu primeiro encontro com o trabalho e a responsabilidade laboral. Começo, tal como daquela feita, uma etapa absolutamente nova; agora com mais experiência, mais conhecimento, e maior cautela para exercer o sublime ato de julgar os interesses públicos e particulares. Neste plenário, palco de inúmeros julgamentos e sessões solenes, muito ouvi e aprendi, como também, já tive a oportunidade de me manifestar. Aqui ascendi ao mais alto grau de minha vida profissional no Parquet sul-mato-grossense, ao assumir o cargo de Procurador de Justiça em 2001".

O novo desembargador falou da OAB: (...) De outra feita, a admiração e a fraternidade que nos aproxima dispensa o protocolo e as formalidades de praxe. Por isto, estimado Dr. Fábio Trad, recebo a homenagem a mim prestada como gentileza de um irmão, e o apreço recíproco que dispenso a sua pessoa como profissional sério e competente”; não se esquecendo de mencionar o MP: "(...) Ao prosseguir, teria que ocupar todo o tempo que me fosse permitido para agradecer da melhor forma possível ao Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul, instituição nobre e indispensável à administração da Justiça, que por mais de duas décadas acolheu-me, poliu-me e sustentou-me. Personificado na pessoa da Procuradora-Geral de Justiça Dra. Irma Vieira de Santana e Anzoategui, com quem divergi boa parte do tempo, mas com quem aprendi ao longo do tempo a aceitar e conviver com as diferenças, e com quem cresci pessoal e espiritualmente, deixo parte da minha vida e infinita gratidão”.

Ao concluir, o Des. Carlos Eduardo Contar agradeceu o apoio dos familiares e citou as virtudes teologais, apontadas por São Paulo aos Coríntios: a fé, a esperança e a caridade. “Fé na existência de um ser supremo, um Deus revelado. Fé que não é guardada, mas compartilhada, vivida e difundida. Esperança que responde às nossas aspirações, que dá alento, e que nos move em direção às bem-aventuranças. Esperança em dias melhores, em progresso espiritual materializado em prol da elevação pessoal e de todos mais. E, finalmente, a caridade. Caridade para que em minhas futuras decisões não me faça inclemente para com os mais fracos e desassistidos, nem impotente perante os mais fortes e poderosos. Ao professar estas três virtudes espero alcançar a pretendida Justiça”.


Autoria do Texto:SEcretaria de Comunicação Social

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)